Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Buscas no Site
Buscar
Em     
>> Usuário não cadastrado <<
domingo,
11 de dezembro de 2016
Atualizado em: 19/11/2016
     
Fraudes em operações ilícitas ou suspeitas
Golpe das Notas de Euros pretas (50 Euros)




Estas notas recebi de vários grupos diferentes, sobretudo de portugueses, que foram enganados por golpistas Africanos.
Segundo me contaram estas seriam notas de 50 Euros, pintadas por várias razões. Como sempre, pra tirar a tinta, segundo os golpistas, precisava de determinados produtos químicos que, desta vez, eles já tinham, mas, para o processo dar certo, precisava também de notas de 50 Euros verdadeiras na medida de 1 autêntica para cada X das pretas ... as notas verdadeiras foram "processadas" todas juntas, ficando todas pretas. Logo depois os produtos químicos foram "acidentalmente" perdidos e aí veio o pedido de dinheiro para comprar mais produtos e terminar o processo de limpeza recuperando assim também as notas verdadeiras.
Com isso os golpistas tinham conseguido fazer com que as vítimas ficassem financeiramente envolvidas (por já ter colocado e pintado algumas notas verdadeiras dentro do "processo"). As notas que me enviaram eram supostamente verdadeiras, segundo todos que as enviaram (acredito que alguns tenham omitido ou despercebido alguns detalhes e talvez mentido sobre outros, por vergonha ou desconfiança ou suposta esperteza), e o objetivo era ver se dava para recuperá-las.


Na realidade nenhuma delas tinha as características de nota verdadeira, ou seja quem enviou pode ter feito a "tentativa" comigo também. Estas "notas" tem até tamanhos ligeiramente diferentes uma da outra e mediamente um pouco diferentes da verdadeira nota de 50 Euros (isso já é um péssimo sinal).
As notas pretas estavam "sujas" e manchada de uma espécie de pozinho bege/amarelado (normalmente é bicarbonato sujo) ... parecia um resto de secagem de algum produto químico.
Como sempre, fiz um exame cuidadoso do papel para identificar sinais que pudessem identificar as "notas" pretas como papel de notas verdadeiras de 50 Euros. Não tinha sinais de impressão em relevo (como deveria ter nas notas verdadeiras) o que podia significar que a tinta em relevo tinha sido derretida (e assim as notas não seriam recuperáveis), mas mais provavelmente significava que a impressão em relevo nunca existiu naquele papel.
Não tinha sinal da holografia que, além do ligeiro relevo, deveria ter dificultado a aderência de tintas ao papel.
Também, e isso era bastante suspeito, não tinha sinal das diferenças de espessura no papel devidas à marca d'água.
Por fim não tinha o menor sinal da existência do fio de segurança que, como em outras notas de outros países, passa dentro do papel das verdadeiras notas de 50 Euros. Este fio é parcialmente metálico e brilhoso, dá pra sentir ele debaixo do papel. Sobretudo, rasgando o papel pelo lado mais comprido, quando se chega ao fio este faz resistência e impede que se continue rasgando ... e se insistir aparecerá o fio que sai do papel.

Rasguei parcialmente uma nota de 50 Euros verdadeira (acima) para mostrar o fio que passa dentro e o que acontece tentando rasgar a nota. Depois rasguei as supostas notas pretas e nada aconteceu.
Não tinha o fio se segurança e rasgaram-se facilmente, sem nenhuma resistência. Analisei o papel com cuidado ao longo da rasgadura (que não era corte mas rasgadura, portanto o papel estava bem aberto e se podia ver claramente se tivesse algo passando por dentro) e realmente não tinha nenhum sinal do fio.
Esta obviamente era a prova final que, pra variar, aquelas "notas" não eram notas mas simples pedaços de papel preto, sujos de pozinho bege e mal cortados no tamanho das notas de 50 Euros.

Inicial  Anterior 


Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados.   Design by D.Al. Eventos | "O Monitor" | Humor | Mapa do Site | Estatísticas | Contatos | Aviso Legal | Principal