Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Buscas no Site
Buscar
Em     
terça-feira,
6 de dezembro de 2016
Atualizado em: 19/11/2016
     
Fraudes em Operações Imobiliárias
A locação com documentos falsos




Este golpe muitas vezes é uma simples ferramenta para esquemas de fraude de maior porte (por exemplo golpes com cheques ou financiamentos).
Os golpistas, usando identidades falsas ou adulteradas (ou seja documentos verdadeiros, roubados ou extraviados e depois modificados) e demais documentos falsificados (holerites, declarações, extratos etc...), alugam um imóvel depositando 3 mensalidades como garantia.
Sempre pagam em dia o primeiro mês, às vezes também o segundo. Logo depois param de pagar e não resta ao proprietário que iniciar um processo de despejo. É normal que os golpistas desapareçam do imóvel depois de alguns meses (3-4), sobretudo no caso em que a locação do imóvel tenha sido usada como base para aplicar outros golpes.
Em alguns casos os golpistas, antes de desaparecer, esvaziam a casa, tirando tudo o que for possível (pias, torneiras, moveis, luminárias, vidros etc...).

Uma modalidade clássica é a locação com documentos falsos para o esquema de fraudes com cheques. Neste caso, depois de alugado o imóvel, e ligada a luz e um telefone fixo (também com documentos falsos), os golpistas irão abrir contas em vários bancos (fornecendo o endereço do próprio imóvel, juntamente com documentos e comprovantes de renda falsos) e receber no imóvel talões de cheques dos bancos onde abriram contas. Deixarão passar algum tempo (até 6-7 meses, no máximo), eventualmente pagando o aluguel para não criar problemas, e depois passarão, num curto prazo de tempo, a emitir quantos mais cheques possíveis comprando de tudo (eletrodomésticos, moveis, mercadorias de todo tipo etc...) e muitas vezes mandando entregar no próprio endereço ... assim que tiverem esgotada a capacidade de emitir cheques sem fundos, sem que sejam recusados (coisa que normalmente acontece num prazo de 10-15 dias, a partir do início das emissões), eles irão remover todas as mercadorias "compradas" e desaparecer.
Sobrarão para o proprietário do apartamento os alugueis não pagos, eventuais danos ou remoções do apartamento e sobretudo muitos incômodos relativos às cobranças e ações a cargo dos golpistas (pelas insolvências) e que chegarão no endereço por eles fornecido, ou seja o do imóvel alugado.

O conselho é alugar imóveis, com base em simples depósito de 3 meses de aluguel, somente para pessoas bem conhecidas ou muito bem referenciadas, nos demais casos exigir seguro fiança.
É importante também verificar sempre todos os documentos e as informações fornecidas pelo locatário. Para tanto, é útil ler, neste mesmo site, a seção sobre identidades e documentos falsos.
CAPÍTULO  Anterior -  Próximo


Login
Usuário:
Senha:
     
Patrocínios





NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados.   Design by D.Al. Eventos | "O Monitor" | Humor | Mapa do Site | Estatísticas | Contatos | Aviso Legal | Principal