Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Buscas no Site
Buscar
Em     
segunda-feira,
5 de dezembro de 2016
Atualizado em: 19/11/2016
Monitor das Fraudes
Fórum de Discussão e Alertas


Veja abaixo as experiências, denúncias e comentários publicados até agora

NOTAS: Os endereços de email publicados nesta página têm o "@" automaticamente substituído por "(ARROBA)" para limitar a possibilidade de uso dos mesmos por parte de "Spammers".
O autor, os colaboradores e os administradores do site não avalizam de forma alguma o conteúdo e teor das mensagens deixadas neste fórum que são, portanto, de exclusiva responsabilidade de quem, livremente, as escreveu.
Este fórum é um lugar para pessoas responsáveis. Leia as regras do fórum para conhecer os mecanismos de controle e defesa, antes de deixar uma mensagem ou se achar que está sendo injustiçado.


Para publicar sua experiência ou comentário clique AQUI.



Publicado no dia: 29/08/2009 às: 00:00
Nome:  Hwidger Lourenço
Cidade/País:  
E-mail:  hwidger(ARROBA)gmail.com
Assunto:  
Comentário:  
Caro João,

Recebi essa mensagem ontem, só que era um C4 + R$ 5.000,00.

Nunca ligue para os telefones indicados nessas mensagens. Obviamente, é golpe.

Abraços


Publicado no dia: 28/08/2009 às: 00:00
Nome:  Joao Carlos
Cidade/País:  Mogi das Cruzes/Brasil
E-mail:  jcarsouza(ARROBA)hotmail.com
Assunto:  Golpe da recarga premiada SBT
Comentário:  
Recebi um sms informando que eu havia sido premiado com um C3 e R$5000,00.
O numero que enviou o SMS é 64 84015691. No sms foi solicitado que ligasse para 0158591408685. Dei corda para o suposto atendente que informa o nome de Marcos Paulo correia, durante a conversa não foi solicitado nenhum documento,questionou sobre minhas recargas sendo 1ue meu CEL e pos pago, questionou se eu tinha conta no Bradesco, BB ou Caixa,não consegui continuar falando com ele quando solicitou que eu depositasse R$499,00 numa conta que ele iria informar a titulo de IOF.POde???


Publicado no dia: 24/08/2009 às: 00:00
Nome:  Luciano Carvalho
Cidade/País:  Indaial/Santa Catarina
E-mail:  comercialindaial(ARROBA)comercialindaial.com.br
Assunto:  Comentário infundado. Difamação a imagem.
Comentário:  
Venho solicitar a retirada do comentário onde cita-se o nome do meu dominio de propriedade de Luciano Carvalho. O comentario abaixo foi identificado por um cliente do Comercial Indaial e informado a mimha pessoa. Isso está trazendo prejuizo e desconfiança para meus negocios. Solicito a imediata retirado do comentario para não tomar medidas judicias.

Publicado no dia: 16/2/2006 às: 00:00
Nome: Sergio Mendes
Cidade/País:
E-mail:
Assunto: OXXX BXXXX
Comentário:
Parabéns pelo seu ótimo negócio a qual vc se afiliou. Deu tão certo a dita inclusão digital, deve dar muita grana que até seus sites (phinfo.com.br, comercialindaial.com.br, vaspe.com.br) já faliram (saiu do ar).
A propósito como vc participa da feira em SP se vc está em SC? Aí tb tem feira?
Existe alguma feira por correspondência?


Publicado no dia: 21/08/2009 às: 00:00
Nome:  Vanderlei Mendes
Cidade/País:  Ribeirão Preto/Brasil
E-mail:  hdelei(ARROBA)gmail.com
Assunto:  Comprei, paguei e não recebi
Comentário:  
Comprei diretamente através de contato pelo msn uma pedaleira da Zoom modelo 505 II. Depois que depositei o dinheiro, o contato me bloqueou no msn e não me responde aos emails. Possuo número de telefone local dele e dados da conta bancária assim como os comprovantes de depósito, tenho também algumas conversas por msn gravadas. Como posso levantar mais dados do fraudador e qual procedimento devo tomar daqui pra frente?

Publicado no dia: 18/08/2009 às: 00:00
Nome:  Soraya
Cidade/País:  Brasília/Brasil
E-mail:  sna_df(ARROBA)hotmail.com
Assunto:  Golpe do empréstimo
Comentário:  
Acessei o site www.emprestimoexpress.com.br, liguei para o telefone (11)2834-7786, fui atendida por uma mulher que dizia se chamar Marlene. Ela atendeu falando que era de uma financeira. Perguntei sobre empréstimos, estava interessada no valor de R$ 10.000,00. Ela me disse que eu teria que fazer um pré-cadastro por telefone mesmo e pediu que eu ligasse em 30 minutos para saber se meu cadastro havia sido aprovado. Após meia hora eu liguei, a tal Marlene me deu os parabéns e disse que meu cadastro havia sido aprovado, pediu que eu entrasse no site na parte contratos, me deu o usuário: emprestimo pessoal e senha: 296960. Apareceu um contrato. Ela pediu para eu assinar o contrato, tirar cópia da RG, CPF, comprovante de renda e residência enviar para o fax 11 - 4799-0647. Além disso, eu deveria fazer um depósito no valor de R$ 500,00, referente ao seguro fiança, na conta de José Ernesto Esteves Torlay, Banco Santander, cc: 01002824-1, ag:2042 e passar o comprovante do depósito por fax junto com a documentação. Fiz o que eles pediram. O dinheiro não entrou na
minha conta. Comecei a desconfiar e procurar por golpes na internet, foi quando descobri que eu
havia sido enganada. Tentei ligar para os telefones que constam no site e as ligações caiam numa caixa postal que estava lotada, não havia a possibilidade de deixar recados. Resolvi procurar uma delegacia da Polícia Civil e registrar uma ocorrência. A minha preocupação era a documentação que eu passei para os estelionatários! O policial registrou minha ocorrência e me orientou que ficasse "esperta" porque certamente essas pessoas iriam me ligar para tentar me convencer a depositar mais dinheiro. Dito e feito! Me ligaram novamente dizendo que havia ocorrido um problema e que por determinação do Banco Central eu teria que depositar o valor do IOF - R$ 504,00, mas em
compensação as prestações seriam menores. Como eu já sabia que era golpe, dessa vez, não caí.
Seria bom alertar as pessoas pois o site continua no ar e eles continuam enganando as pessoas.


Publicado no dia: 31/07/2009 às: 00:00
Nome:  Bruno Augustus da Silva Britto
Cidade/País:  Rio de Janeiro-Brasil
E-mail:  gg.carva(ARROBA)bol.com.br
Assunto:  Falso advogado estelionatario
Comentário:  
O falso advogado e estelionatario em questão é o Fernando Jose Barcelos de Ribeiro, RG-05204384-1 IFP-RJ, CPF-818.861.607-91 M.FAZ,que se faz passar por advogado e utiliza uma carteira falsa da OAB aonde desta forma já lesou com seus golpes pessoas no Rio de Janeiro-capital, na cidade de Petrópolis-RJ,e atualmente na cidade de Juiz de Fora-MG aonde um de seus golpes foi no Hotel Imperial no centro em torno de 4.000,00. No Rio ele pegou todos os documentos de uma vida inteira de contribuição de um senhor que teve um derrame e iria se aposentar e sumiu com tudo, inclusive os 5.000,00 que cobrou dele.São apenas 2 casos de tantos outros. Aonde ele passa é isso.Atualmente morava em Juiz de fora-MG e se passava como taxista trabalhando a noite no ponto da rodoviaria de lá, seu carro era um fiat Siena eo seu rádio era albatroz 151.Residia no bairro São Mateus.Ele é alto +-1.80,olhos azuis,cabelo grisalho,pele branca.Boa pinta gostava de dar golpes em mulheres sozinhas, carentes e com certa situação financeira.Estava namorando com uma gerente do B.Brasil em Juiz de Fora.Não caiam no golpe desse homem, se o encontrarem chamem a polícia e se afastem dele o mais rápido possível senão o prejuízo é certo.Obrigado atodos pela atenção e muito cuidado com ele.

Publicado no dia: 30/07/2009 às: 00:00
Nome:  Marcos G. Santos
Cidade/País:  São Paulo - Brasil
E-mail:  dino-2001(ARROBA)ig.com.br
Assunto:  Sobre o projeto Doa Brasil
Comentário:  
Parece que o projeto Doa Brasil é cópia fiel do Elite Activity, com a diferença que o "esperto" brasileiro usa o CNPJ de uma empresa que foi criada em 1995, cujas atividades não tem absolutamente nada a ver com as mostradas no "projeto", portanto, pode ser sim, uma fraude!!

Publicado no dia: 29/07/2009 às: 00:00
Nome:  Reinaldo Alves
Cidade/País:  Brasil
E-mail:  rsalves2004(ARROBA)bol.com.br
Assunto:  FRAUDE NA CEF
Comentário:  
Desejo divulgar notícia recebida por e-mail, através de um "Site" especializado
no Setor de Call Center sobre um grande golpe perpetrado contra à Caixa Econômica Federal, mediante fraudes à "Licitações"...Dentre outras.
Elencarei abaixo (parcialmente), à newsletter recebida, com à citação de Fonte
No ensejo, quero registrar minhas felicitações pelo trabalho desenvolvido pelo
MONITOR DAS FRAUDES, e, sua abnegada e Douta Equipe.

"Fraude em licitação

[29/7/2009 - 00:00] - Funcionários da CEF são acusados de fraudar R$ 13 mi em contrato de telemarketing.O Ministério Público Federal (MPF) no Rio de Janeiro moveu uma ação civil pública e de improbidade administrativa contra um grupo de fraudadores da Caixa Econômica Federal (CEF), com desfalque de R$13 milhões dos cofres públicos. Seis funcionários do banco, a empresa Easyphone e o seu proprietário responderão à ação por burlarem um processo de licitação para a contratação de serviços de telemarketing.

A tática dos fraudadores para dispensar a licitação foi alegar que a Easyphone oferecia um tipo de serviço exclusivo, embora existissem outras quatro concorrentes. A justificativa, considerada falsa pela ação movida pelo MPF, efetivou a contratação da empresa mesmo ela tendo sido apontada como a pior entre as avaliadas pelo grupo de trabalho responsável pelo processo licitatório. Outro argumento utilizado para sustentar a escolha foi o custo-benefício apresentado pela Easyphone, mas o valor previsto inicialmente no contrato subiu mais de 300% sem que qualquer justificativa fosse apresentada.

Os funcionários investigados ainda contrariaram um parecer jurídico, que deixava claro que o hardware deveria ser adquirido à parte do software, e compraram todo o equipamento necessário para a instalação das centrais telefônicas diretamente com a Easyphone. Os fraudadores alegaram que apenas a empresa poderia fornecer esse material, apesar de haver modelos semelhantes disponíveis no mercado.

O MPF também colocou em xeque a maneira como o contrato foi firmado, já que ele previa o pagamento adiantado de um percentual de cada um dos serviços que seriam prestados antes da execução. Esse detalhe acarretou prejuízo à União, já que a Easyphone não realizou a maioria dos compromissos previstos. Além disso, de acordo com a ação, a empresa deveria ter criado 500 postos de atendimento durante o período em que prestou serviços à CEF, entre 2000 e 2003, mas apenas 17 chegaram a funcionar. O contrato ainda previa a elaboração de 15 campanhas e somente uma foi executada. O processo (20095101016841-3) corre na 23ª Vara Federal.

"Ficou comprovado que a contratação direta da Easyphone, por meio de inexigibilidade de licitação, se mostrou repleta de vícios, falhas, açodamento e pouco planejamento, a denotar falta de zelo pelo bem público, que importou em enriquecimento ilícito e lesão ao erário, embora fosse de conhecimento dos acionados a possibilidade real e concreta de competição a ser realizada em procedimento licitatório", observou o procurador Édson Abdon, responsável pela ação.

Procurada pelo Callcenter.inf.br, a Caixa informou que não tem conhecimento do teor da ação e ainda não foi intimada para se manifestar no processo.

Esclarecimento - Em 2003, a Easyphone foi adquirida por um consórcio composto por uma série de investidores e instituições financeiras. Em 16 de junho de 2004, a empresa abandonou totalmente o nome Easyphone e alterou a razão social para Altitude Software Latino-América Ltda. Em comunicado, a Altitude Software afirma que, por isso, não tem conhecimento do contrato firmado pela gestão da Easyphone. Inclusive, a Caixa Econômica Federal não é um cliente ativo da Altitude Software."

FONTE:http://www.callcenter.inf.br/outsourcing/default.asp?pag=matintegra&matID=36732


Publicado no dia: 26/07/2009 às: 00:00
Nome:  Marcos Paulo
Cidade/País:  Rio Branco
E-mail:  marcos_fu(ARROBA)hotmail.com
Assunto:  Projeto Doa Brasil é ilegal?
Comentário:  
Gostaria muito de saber se os membros do projeto Doa Brasil e a Rede Elite Activity estão de alguma forma transgredindo a lei porque tenho vizinho e amigos "associados", eles podem responder por alguma transgreção? E porque?
Agradesço desde já e aguardo a resposta

Publicado no dia: 21/07/2009 às: 00:00
Nome:  Luziane
Cidade/País:  Rio de Janeiro
E-mail:  luzianerj(ARROBA)bol.com.br
Assunto:  Empresa cobra para cadastro de candidato...
Comentário:  
Bom,para começar estou desempregada,e sou estudante de nível superior,mais como todo desempregado(a), normalmente enviamos muitos currículos pelo meio que para mim é o mais eficaz pois chega bem mais rápido no rh de alguma empresa, pois é,como meu currículo circula na internet, não tem como eu saber como ele foi parar nas "mãos" desta empresa a qual me ligou e me chamou para um processo seletivo bem interessante de jovem aprendiz ou estagiários,uma vantajosa oportunidade que inicialmente era necessário comparecer á empresa para um cadastro até aí tudo bem, mais não porque veio na minha mente perguntar se tinha alguma taxa pois a oferta de estágio era muito firme e parecia concreta, só me disse que não poderia afirmar que o estágio seria na minha área,quando perguntei se era algum tipo de cadastro a "recrutadora" me informou discaradamente que era um investimento para meu futuro estágio,no valor de 65,00 nem me sei se era mensal e assim por diante nem me aprofundei quando percebi que era uma furada e a empresa á a Microcamp, que a pessoa me informou que fica no end: av.meriti n.1795, Vila da Penha no RJ, aliás não posso afirmar,mais a pessoa que me ligou informou o nome era desta empresa,e passou endereço e telefone que eu mesma pedi justamente para fazer a denúncia contra esse tipo de abuso contra o trabalhador.
Grata pelo espaço.



Total: 2687 mensagens  - Página 224 de 269
10 Anteriores  INÍCIO  FIM  Próximos 10

Login
Usuário:
Senha:
     
Patrocínios





NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados.   Design by D.Al. Eventos | "O Monitor" | Humor | Mapa do Site | Estatísticas | Contatos | Aviso Legal | Principal