Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

10/04/2009 - O Globo Online / Extra Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Casal é preso ao dar golpe de falso sequestro

Por: Isabella Guerreiro


RIO - Um casal que tentou dar o golpe do falso sequestro em uma idosa foi preso na manhã de sexta-feira, em flagrante, por policiais do 34º BPM (Belford Roxo). A vítima, uma senhora de 78 anos que mora em Botafogo, recebeu um telefonema, supostamente feito por um detento da Penitenciária de Bangu 1, anunciando o sequestro de sua sobrinha-neta e que o resgate deveria ser pago em um hotel, em Belford Roxo. Ela ficou oito horas no telefone com os bandidos.

No momento da entrega do dinheiro, a polícia prendeu Alex Sandro Ribeiro da Silva, de 30 anos, e Adriana Inácio Albertino, de 28 anos. Alex já havia sido preso por roubo. Ele estava em liberdade desde dezembro.

O drama da idosa começou por volta das 23h, quando um homem disse estar com a sua sobrinha-neta e afilhada, uma jovem de 26 anos, e em seguida, colocou uma pessoa chorando ao telefone. Maria acreditou se tratar realmente da sobrinha, que passava o feriado em Angra dos Reis.

- Na hora que ouvi a voz e o choro, achei que era a minha sobrinha, e falei: "Não se preocupa. A madrinha vai te ajudar" - disse Maria, em entrevista à rádio CBN.

A idosa seguiu sozinha, de carro, para Belford Roxo. A pessoa ao telefone perguntou quanto dinheiro ela tinha e a mandou levar cartões de crédito para sacar a quantia, cerca de R$ 2 mil. Ela chegou a parar em diversos bancos no caminho.

Ao chegar ao hotel, por volta das 5h, ainda falando ao telefone, Maria escreveu a palavra "sequestro" em um papel e mostrou para a recepcionista. Assustado, o gerente do estabelecimento ligou para a polícia.

Quando dois policiais militares chegaram ao local, convenceram a idosa a desligar o telefone e contactar a afilhada. Como não conseguia, ela telefonou para a mãe da jovem, que encontrou a tia no hotel, onde as duas conseguiram finalmente um contato com a moça. Os policiais, à paisana, esperaram o momento da entrega do dinheiro, que aconteceu por volta das 8h, e prenderam os criminosos. A 54 DP (Belford Roxo) vai investigar a relação do casal com um suposto preso de Bangu.

- Eles alegaram que a primeira ligação partiu do presídio - disse o delegado adjunto Franquis Dias.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 191 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal