Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS



Promoção BLACK WEEK. Até o dia 02/12 valor promocional para o Treinamento sobre Fraudes Crédito e Comércio ! CLIQUE AQUI.


Acompanhe nosso Twitter

30/03/2009 - Gazeta Online Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Caixas-eletrônicos com alarmes para evitar 'chupa-cabra'

Por: Paulo Rogério


A ação de golpistas em terminais eletrônicos em todo o país e não apenas aqui no Espírito Santo, como perceberam os capixabas nos últimos dias, pode estar com os dias contados. Instituições financeiras em todo o Brasil analisam a proposta de uma das filiadas da Federação Brasileira de Bancos (Febraban) para a instalação de alarmes nos caixas-eletrônicos, a fim de inibir a violação das máquinas por criminosos capazes de obter informações de correntistas e, principalmente, de inibir a clonagem dos cartões magnéticos dos clientes.

A informação é do presidente da Associação Nacional dos Bancos no Espírito Santo (Arbes), Jorge Eloy. Segundo ele a proposta passa por análise da direção da Fenaban e uma decisão positiva ou negativa à sugestão deve ser definida até meados de abril.

"Tal proposta é analisada desde novembro do ano passado e trata-se de algo inovador a fim de inibir a ação dos golpistas em terminais instalados tanto dentro das instituições como em estabelecimentos comerciais. Isso está em fase de estudo até para que não façamos nada que seja considerado precipitado", explicou Eloy em entrevista na tarde desta segunda-feira (30), no programa CBN Cotidiano.

Segundo o presidente da Arbes as máquinas contariam com dispositivos sensíveis a diferentes tipos de violação externa ou interna. Pela proposta, destacou Jorge Eloy, o alerta sonoro não seria perceptível apenas por operadores em uma central, mas também por qualquer pessoa que estivesse nas proximidades do terminal eletrônico.

'Chupa-cabra' ataca na Grande Vitória

Um dos casos mais recente de clonagem de cartões foi neste domingo (29), quando um correntista percebeu que o leitor de cartão no terminal, de uma agência bancária de Campo Grande, em Cariacica, estava frouxo. O aparelho capaz de fazer isso é o chamado "chupa-cabra", instalado bem no local onde os clientes inserem o cartão a fim de obter informações das contas dos usuários por meio de um chip.

Aproximadamente 20 denúncias por clonagem de cartões são registradas mensalmente pela Delegacia de Defraudações e Falsificações de Vitória. Segundo o titular da unidade, delegado Lauro Coimbra, após o registro de boletim das vítimas a Polícia Civil se comunica com os bancos para certificar a captura de senhas.

Tenha precaução

Lauro Coimbra alerta sobre o sigilo das senhas. "Todo usuário deve ter consciência que a senha é de caráter pessoalíssimo, pessoas da família e nem o gerente do banco pode ter acesso. Por falta de malícia, qualquer um pode ser tornar uma vítima em potencial", afirmou.

Confira outros "modelos" de golpes nos terminais:

- São instaladas câmeras para captura de senha que o usuário faz no teclado, no período de uma hora é possível a clonagem de uma a dez
senhas.

- Nos caixas com painéis mais abertos é instalado um capturador de cartão. A gangue faz um molde e o cartão fica preso, e no próprio caixa é colada uma logomarca do banco, com a disponibilidade de um número de telefone para o contato de possíveis problemas. A outra parte da gangue,
recebe o contato do usuário que fala a senha e contra senha.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 225 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal