Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

26/03/2009 - Verdadeiro Olhar Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Burlões compravam e vendiam carros na internet


Um grupo de burlões dedicava-se à compra e venda de carros de grande cilindrada pela internet com o objectivo de ludibriar vendedores e compradores das viaturas. O último caso registou-se em Lousada e Lourosa e foi descoberto pela Núcleo de Investigação Criminal (NIC) da GNR de Felgueiras, que também já identificou os autores da burla. O Audi A4 foi, igualmente, recuperado e será entregue à proprietária.

No início deste mês, os burlões dirigiram-se à proprietária de um Audi A4 que se encontrava à venda num stand virtual e propuseram-lhe a compra do veículo por um valor próximo dos 20 mil euros.

Após alcançado o acordo com a mulher residente em Lourosa, o grupo tentou, segundo a GNR, "uma série de esquemas astuciosos para ludibriar" a proprietária da viatura, sobretudo, no que concerne à forma de pagamento. "Chegaram mesmo a arranjar um talão de caixa multibanco que comprovaria a transferência da quantia acordada para a conta bancária da dona do carro", refere a mesma fonte. Porém, a mulher de Lourosa suspeitou desta forma de pagamento, o que levou os burlões a emitir um cheque com o mesmo valor. Cheque esse que, no entanto, o NIC veio a descobrir que tinha sido furtado do interior de um outro carro.

Apesar das desconfianças da dona do Audi A4, a venda do carro concretizou-se no passado dia 13 de Março e, poucos dias depois, já tinha sido revendido a outras três pessoas diferentes. O último comprador do carro foi um proprietário de um stand de automóveis de Lousada, no qual o carro já estava novamente à venda. Segundo o NIC, este empresário nada saberia do esquema.

Para a GNR, este canal de escoamento já estaria preparado ainda antes da compra do carro. Desta forma, assim que se descobrisse que o cheque emitido para a compra do carro era falso, já a localização da viatura estava encoberta pelas sucessivas vendas.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 347 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal