Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

26/03/2009 - Jornal ABC Repórter Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Homem é preso ao tentar fazer compras com cartão clonado

Por: George Garcia


A Guarda Civil de São Caetano, prendeu ontem em flagrante Gerson Pereira da Silva, enquanto ele tentava fazer compras no Supermercado Dia, em no bairro Nova Gerti. Essa foi a terceira vez que Silva fazia compras no local, em grande quantidade, o que chamou a atenção dos funcionários do estabelecimento, que já haviam diagnosticado nos extratos que as outras compras não foram pagas por causa de clonagem do cartão. Desta vez os funcionários chamaram a Guarda Civil.
Silva chegou ao supermercado no início da tarde, e comprou 18 pacotes de arroz, entre outros produtos e foi ao caixa pagar com o cartão. Uma funcionária buscou ganhar tempo até a chegada dos guardas. Quando os GCM´s, Magalhães, Alexandre e Geni, chegaram, abordaram o suspeito que confessou o crime. "O cartão que ele usava era dele mesmo, estava em seu nome, mas a tarjeta preta (onde ficam gravados os dados da conta) são de outra pessoa. Ele ainda tentou contar uma história, mas no fim acabou confessando", disse o GCM Magalhães.
O delegado José Nemi Júnior, titular do 3º Distrito Policial de São Caetano, onde o caso foi registrado, informou que Silva foi indiciado por estelionato, e como ele não tem passagens, poderá até responder ao crime em liberdade. "Vai depender do juiz, por enquanto ele fica detido até a conclusão do inquérito", explicou. Nemi Júnior disse que o acusado fez inúmeras compras com o cartão clonado, na última semana, em São Vicente, ele fez mais de R$ 400 em compras, sempre de gêneros alimentícios, só que os dados eram de uma outra pessoa", disse o delegado. Os fatos levam a polícia a acreditar que ele trocava a tarjeta do cartão periodicamente. "Ele não quis revelar quem fazia o trabalho nos cartões, disse que comprou mas não revela de quem, nem quanto pagou", finalizou Nemi Júnior.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 245 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal