Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

17/03/2009 - Gazeta Online Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Operação Tonel descobre empresa no exterior para lavagem de dinheiro

Por: Fernanda Zandonadi


A operação 'Tonel', desencadeada pelos Fiscos e Ministérios Públicos do Espírito Santo e de Minas Gerais em cinco municípios capixabas tendo, entre os alvos, o advogado Beline José Salles Ramos, levou a aprensão de documentos que evidenciam a existência de uma empresa nas Ilhas Virgens Britânicas. A firma teria sido constituída para dar suporte a lavagem de dinheiro, remetido legalmente ao Exterior.

Os dados do Fisco apontam para um prejuízo de R$ 300 milhões aos cofres públicos por conta de sonegação fiscal. durante a operação foram apreendidos computadores, seis sacos de documentos e joias. Entre os alvos da operação, várias empresas vinculadas à TA Oil Distribuidora de Petróleo, grupo do qual Beline era advogado.

Um desdobramento paralelo da Operação Tonel ocorreu em Guarapari. Foram recolhidos documentos na residência do empresário José Carlos Cruz Alves, no condomínio de luxo Aldeia da Praia.

Alves é proprietário da rede de distribuição de combustível TA Oil, foco das investigações. O empresário estava em casa, mas não foi detido. Assim como em Vitória, os agentes cumpriam um mandado de busca e apreensão.

O advogado Eduardo Salles Ramos, responsável pela defesa do pai, Beline José Salles Ramos, diz as acusações são infundadas e negou a participação de Beline em qualquer tipo de sonegação fiscal. O advogado Beline José Salles Ramos já responde às cusações de sonegação fiscal, lavagem de dinheiro, formação de quadrilha, falsidade ideológica, tráfico de influência, uso de documentos falsos e descaminho.

Segundo o coordenador do Centro de Apoio da Ordem Econômica e Tributária do Ministério Público Estadual de Minas Gerais, Rogério Filipetto, a empresa nas nas Ilhas Virgens Britânicas pode ter sido usada para lavagem de dinheiro.

"Trata-se de um contrato da sociedade com a realização do capital dessa sociedade, de modo que os sócios dessa empresa receberam recursos oriundos dessa empresa. Agora, nós vamos nos debruçar no sentido de entender como funcionava o fluxo de alimentação dessa empresa", afirma Filipetto.

Há indícios, segundo os Ministérios Públicos, da ocorrência de crimes contra a ordem tributária, sonegação fiscal e outros correlatos, como formação de quadrilha e ocultação de bens. Os elementos visam dar robustez para delinear os delitos ocorridos, portanto, ninguém foi preso. Segundo o MPES, os investigados foram notificados para comparecerem ao órgão para a retirada dos lacres.

Segundo o coordenador do Centro de Apoio da Ordem Econômica e Tributária do Ministério Público Estadual de Minas Gerais, Rogério Filipetto, foram nove alvos determinados pelo Ministério Público, distribuídos em em cinco municípios: Vitória, Vila Velha, Serra, Santa Leopoldina e Guarapari.

O promotor do MPES, Lindson Alves da Silva, afirmou ainda que os investigados não resistiram e não houve necessidade de prisão. "Buscamos recolher documentos probatórios em mídia, documentos e também garantir com imóveis e bens. Com esse montante, no desembaraço judicial, podemos garantir o retorno desses valores ao Fisco de Minas Gerais e do Espírito Santo".

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 483 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal