Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

19/02/2009 - Cosmo Online Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Homem é preso acusado de vender documentos falsos

Por: Fabiana Buzzo

Rogério José de Sousa confessou que comprava os documentos na Praça da Sé por R$ 100 e os revendia por R$ 200.

O 'pé pesado' de um mecânico levou a Polícia Militar Rodoviária de Campinas a prender na tarde desta quinta-feira (19), na Rodovia Anhanguera, um homem suspeito de vender documentos falsificados para estelionatários da região, identificado como o autônomo Rogério José de Sousa, 35 anos. Segundo a delegada do 8º Distrito Policial de Campinas, Yara Ely Marques da Silva, Sousa confessou que comprava os documentos na Praça da Sé, em São Paulo, por R$ 100 e os revendia por R$ 200 para estelionatários.

Sousa foi abordado pela polícia quando o mecânico M.X.S, 38, testava o carro dele, que estaria com problemas na direção, em uma marginal da Rodovia Anhanguera. Segundo a polícia, o carro estaria a cerca de 140 quilômetros por hora quando passou pela viatura na altura do trevo do distrito de Nova Aparecida. Os policiais suspeitaram da alta velocidade do veículo e fizeram a abordagem na altura do quilômetro 103.

O autônomo, que estava no banco do passageiro, se identificou como o proprietário do veículo e forneceu a carteira de motorista em seu nome. Quando solicitado o RG, ele forneceu um documento com a mesma foto da habilitação, mas em nome de Rogério Garcia Andrade.

Os policiais revistaram o veículo e encontraram escondidas no estofado do banco traseiro três carteiras de despachantes com três CPFs falsos, 14 espelhos de RG preenchidos, 23 espelhos de RG em branco, três protocolos de títulos de eleitor, 12 títulos de eleitor, 17 fotografias 3x4 de diversas pessoas - algumas já picotadas prontas para serem anexadas a documentos falsos além de cartões de banco, 14 cheques que seriam supostamente de clientes - um deles no valor de R$ 3 mil, e sete cheques em branco. No montante apreendido, por exemplo, foram encontradas três fotos de uma mesma pessoa o que, segundo os policiais, indicaria a encomenda de três documentos falsos. Os policiais também encontraram um terceiro RG de Rogério com o sobrenome Bergamo.

'Ele foi autuado em flagrante por uso de documento falso, mas as investigações vão continuar e ele poderá ser indiciado por outros crimes' , explicou a delegada. De acordo com ela, as investigações partirão da identificação de supostos clientes de Sousa com base nos documentos já preenchidos apreendidos, folhas de cheques também preenchidas e fotografias. 'Todas essas pessoas serão chamadas para prestar depoimento. As investigações podem levar a identificação de estelionatários e dos falsificadores' , afirmou. O mecânico prestou depoimento e foi liberado. O carro de Sousa foi apreendido e encaminhado ao pátio.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 211 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal