Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

11/02/2009 - Comunidade News Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Falsário leva $250,000 de brasileiros

Falso advogado prometia legalizar os imigrantes.

Nove pessoas de Massachusetts foram vítimas de um homem que se passava por advogado. Entre elas estão dois brasileiros. Joseph Pereira, 43, está sendo acusado de faturar mais de $250 mil com o esquema fraudulento. As contas bancárias do falsário foram congeladas pela polícia.

Segundo o Herald News, os brasileiros lesados são pai e filho. Em abril passado, Pereira disse que era advogado e que poderia ajudá-los a obter a tão cobiçada cidadania americana. Segundo o porta-voz da polícia de Fall River, Thomas Mauretti, os dois brasileiros pagaram $3,000 ao falso advogado, a fim de obter o green card.

Ao ser questionado por eles sobre a falta de contato por parte do Serviço de Imigração Americana, Pereira disse que os casos tinham sido cancelados, e que tinham sido agendados em datas separadas. Os brasileiros se recusaram a efetuar o pagamento de $25,000 adicionais. Decidiram denunciar Pereira depois de ler a notícia veiculada na mídia americana.

Pereira já tinha sido preso no mês passado, sob a alegação de ganhar milhares de dólares de imigrantes que buscavam a cidadania. Em audiência realizada na terça-feira (3), ele foi acusado de furto de mais de $250 mil, prática do direito sem autorização e de não pagar salários no tempo devido. Ele se encontra solto, mas a polícia decidiu congelar todas as contas bancárias dele.

Os lesados estão na faixa etária de 21 a 66 anos, e moram em Fall River, Dighton, Westport e Smithfield. Entrevistados um a um pelo Detetive Lawrence Ferreira, da Divisão Máxima de Crimes, contaram que foram vítimas de transações imobiliárias falsas, casos imigratórios, fraude de aluguel e empréstimos.

Um casal foi lesado em $55,000. O dinheiro foi pago a Pereira como entrada em uma casa, que já havia sido vendida. Outro casal pagou $10,000, também como entrada para a tão sonhada casa. Mais tarde, descobriram que nunca poderiam ter a casa. Tiveram também que esquecer o dinheiro, pois Pereira não teria devolvido.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 231 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal