Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

20/10/2006 - Todo Dia Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Despachante de Paulínia comandava esquema

Por: Cristiani Azanha


Um despachante que foi preso em Paulínia coordenava a emissão de documentos falsos que favoreciam o comércio de caminhões roubados. Além de Paulínia, ele também possuía um escritório em Uberlândia (MG). Os policiais federais também apreenderam, em Paulínia, materiais para falsificação de chassi de caminhões, e rastreadoras.
Um esquema novo desenvolvido pelo bando para burlar a segurança, de acordo com a PF (Polícia Federal), foi a adulteração no rastreamento dos veículos. Um ex-funcionário de uma empresa do ramo também foi detido pelos agentes. Ele conseguia falsificar os sinais e a empresa que gerenciava o rastreamento perdia a localização do veículo roubado. Em alguns casos, a única informação que as empresas tinham era o ponto em que o veículo foi abordado pelos marginais. Para o delegado Regional de Combate ao Crime Organizado da PF, Jader Lucas, a quadrilha evitava permanecer no mesmo local, ou deixar indícios que favorecessem a identificação. No caso de Paulínia, esse fator foi uma exceção.

“Com a prisão dos acusados acreditamos que haverá uma queda no número de roubos de carga, mas continuaremos trabalhando para que outras pessoas sejam identificadas. Nosso informante, que foi colocado estrategicamente como integrante do bando, nos favoreceu para que os integrantes da quadrilha fossem identificados”, comentou. “Iremos fazer o levantamento da movimentação financeira da quadrilha, por enquanto não podemos falar em valores”, acrescentou o delegado.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 439 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal