Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

29/01/2009 - Diário do Grande ABC Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Golpe dos títulos protestados 'fisga' empresários da região

Por: Karla Machado


Uma nova modalidade de golpe vem sendo aplicada a pequenos empresários da região. O estelionatário liga para a vítima identificando-se como funcionário do 1º Cartório de Ofícios de São Paulo e propõe o pagamento de um suposto título atrasado sob a ameaça de inserir o nome da empresa no SPC (Serviço de Proteção ao Crédito).

Se não fosse a experiência proporcionada pelos 12 anos à frente de uma empresa de engenharia em Santo André, o engenheiro Roberto Ramos Assunção, 41 anos, entraria para a estatística de vítimas da fraude. Nos últimos dez dias, ele recebeu ao menos três ligações da quadrilha. "Segundo eles, eu deveria efetuar quatro pagamentos de R$ 389 cada", conta.

A princípio, Assunção não deu importância ao fato. "Nem me dei ao trabalho de anotar, pois pensei que fosse um engano", diz. A insistência dos golpistas, porém, fez com que ele constatasse que se tratava de mais uma tentativa de fraude. "Da última vez, quis testar o rapaz e pedi para ele mandar alguém receber na empresa. Na hora, ele retrucou: ''só estou comunicando''. Então, comecei a falar umas palavras deselegantes e ele bateu o telefone na minha cara."

No caso da empresária R.S., 28 anos, que preferiu não ser identificada, o pagamento dos débitos - com valores idênticos ao da empresa de engenharia - tinha inclusive prazo para ser quitado. "Me ligaram às 9h e disseram que eu tinha até as 14h para fazer o pagamento", lembra.

Intrigada, a empresária procurou obter mais informações a respeito da empresa credora. Ao digitar "Central Brasileira de Publicações Ltda" - nome que lhe foi passado pela golpista - em um site de buscas na internet, R.S. se deparou com uma série de links apontando para uma empresa fantasma. "Descobri que várias pessoas já tinham caído na mesma emboscada", afirma.

Precauções - Segundo o diretor da Acisbec (Associação Comercial de São Bernardo do Campo), Valter Moura, a lista de golpes cometidos contra empresas é bastante extensa. A cada ano, diz ele, surgem novos métodos de ''fisgar'' as vítimas.

No ano passado, a fraude do falso boleto pegou muita gente desprevenida. Funcionava assim: a Acesp (Associação Comercial do Estado de São Paulo) emitia boletos cobrando anuidade de empresários associados a ACSP (Associação Comercial de São Paulo), que, confusos, acabavam por efetuar o pagamento.

Para não correr o risco de ser enganado, é preciso atentar-se a alguns cuidados. Segundo Moura, quando a empresa tem um título a ser protestado, o cartório emite um comunicado por escrito ou, então, divulga uma nota na imprensa. "O cartório não faz ligações. Se a pessoa não receber nenhum documento, não tem que se preocupar", esclarece.

Além disso, a dívida sempre deve ser paga no próprio cartório, que emitirá um recibo do pagamento. "O cartório jamais pedirá para o devedor efetuar o pagamento na conta da empresa credora", explica.

Também é recomendável que se registre um boletim de ocorrência por tentativa de estelionato e que o caso seja comunicado à associação comercial da cidade.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 4232 vezes




Comentários


Autor e data do comentário: Bruno Augusto - 28/08/2009 17:46

Detalhe ligaram logo cedo pedindo o nome do gerente..., PRECISO FALAR COM O GERENTE....
olhe senhora ele não esta me deixe seu nome e telefone e o motivo que assim que ele chegar ele retorna...
Não, não depois eu ligo...
20 minutos depois...
ligaram 3 vezes... PRECISO FALAR COM O GERENTE...., quem é ele? Qual o nome dele?

Me ligaram agora a tarde(28/08/09 as 16h), com conversar parecida das citadas acima, que minha lista telefonica tinha sido devolvida pela empresa terceirizada e gostaria de passar uma autorização via fax para que eu recebesse segunda pelos correios... Insistiram para que eu desse meu segundo nome e so se contentaram quando dei um nome(mais era falso, ja suspeitava que era um golpe).
Passaram o fax e em menos de 1 minuto ligaram. O sr. recebeu? - Disse que sim..., preciso que o sr. assine agora, e ja lhe dou o sinal de fax para retransmitilo para nos...
Lhe questionei... que valor é esse? que contrato é esse? disse a ela que ligasse depois, pois iria ter certeza de que era isso, insistiram para que eu assinasse pois se não iria demorar a chegar minha lista, e me disseram que o valor que estava no contrato era simbolico pois ja era pago diluido mensalmente na assinatura da minha conta telefonica e que nao havira custo adicional.
Ela se cansou e desistiu, disse que legava segunda..

Já me ligarm tambem a 3 meses atrás dizendo que estavamos devendo a uma empresa Goldem Assessoria. Pedi que formalizassem a informação a demuncia, retrucaram tanto mais passaram um documento via fax com papel timbrado de um cartório de protesto, ai corri atrás, o nº telefonico do cartorio não existia...
Como tenho contatos, em São Paulo e Brasila pedi que fossem no endereço e la era uma casa que não morava ninguem.

Gente cuidado...

toda hora surge formas novas de lezar...

Não façam depositos e nem pagem boletos...

e menos não fornçam seus dados a estranhos(seu nome completo, qual sua função, o nome do gerente, o nome do diretor...).


Autor e data do comentário: Maria - 06/08/2009 17:21

Também fomos vítimas, no dia 29.07.09, do mesmo golpe da lista telefônica.
Pura fraude! Covardes!


Autor e data do comentário: Anonimo - 31/07/2009 14:50

Tambem fui vitma da tentativa de golpe da lista telefonica que, embora nao tenha gerado prejuizo financeiro me rendeu 1 mes de dor de cabeça e tempo para acionar a justiça.

A empresa chamada XXX me ligou para confirmar os dados da minha empresa que seria para figuração em lista telefonica. mas não explicou se era um serviço ou nada. em seguida passou por fax um contrato e pediu retorno urgente... como eu nao entendi a forma de pagamento e caraceteristicas do serviço pedi esclarecimentos e me disseram que o valor que estava no contrato era simbolico pois ja era pago dividido mensalmente na assinatura da minha conta telefonica e que nao havira custo adicional.
Nestas condiçoes assinei o contrato e 07 dias depois me ligaram diretamente do departamento juridico cobrando parcelas absurdas e ameaçando de protesto e cobrança judicial.
Fui conseguir o efetivo cancelamento do contrato so depois de muita dor de cabeça e de acionar a justiça.

Fiquem atentos! minha recomendação é que nenhum tipo de contrato seja fechado via telefone ou fax.


Autor e data do comentário: silvia - 09/05/2009 23:20

O nome da empresa que está tentando dar o golpe da lista telefonica é XXX. Pura fraude !



O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal