Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

28/01/2009 - Diário do Pará Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Polícia Civil de Santarém prende falso médico e foragido do Ceará


BELÉM (PA) - A Polícia Civil prendeu em Santarém, oeste do Pará, um falso médico e um foragido da Justiça. As informações foram divulgadas, nesta quarta-feira (28), pela Superintendência Regional do Baixo e Médio Amazonas. Os presos são os cearenses José Humberto de Oliveira e José Eudes de Aguiar. O primeiro foi preso sob acusação dos crimes de falsidade ideológica e corrupção de menores. Passando-se por médico, Oliveira chegou a prestar serviços à Prefeitura Municipal de Uruará, oeste do Pará, onde reside. Além disso, ele responderá pela acusação de praticar aliciamentos de adolescentes e de abuso sexual. Morador na Rua 15 de Novembro, bairro Centro, em Uruará, José Humberto tem 48 anos.

Segundo informações do delegado Herbert Farias Junior, de Santarém, o acusado fugiu de Uruará para Santarém, após tomar conhecimento de que a Polícia o estava investigando pela prática ilegal da Medicina. Humberto usava o nome falso de Valter R. Rocha e usava até uma carteira falsa de médico. Ao ser preso em um hotel, situado na Rua Cuiabá, em Santarém, José Humberto tinha em seu poder material com fotos pornográficas. Natural de Fortaleza, o acusado morava há quase 4 anos, em Uruará. A equipe policial responsável pela prisão encontrou, com o preso, um adolescente de 17 anos, hospedado no mesmo quarto do hotel, em que José Humberto estava hospedado.

O rapaz afirmou que é cearense e que está morando com José Humberto. Em depoimento, José Humberto confirmou estar se passando por médico. Preso, ele foi autuado em flagrante pela corrupção de menores e responderá pelo exercício ilegal da Medicina.

O acusado ficará recolhido à disposição da Justiça. O outro preso, José Eudes Aguiar, foi detido por policiais civis, da 16ª Seccional Urbana de Santarém, com apoio do Núcleo de Inteligência da Polícia Civil. Ele é acusado de homicídio. O crime teria sido praticado pelo acusado e pelo irmão dele, Valdir Aguiar, já falecido. José Eudes estava foragido da Justiça desde o ano de 1987.

A prisão foi resultado do cumprimento de mandado judicial de prisão preventiva expedido pela juíza Antônia Dilce Rodrigues, juíza auxiliar da 8ª Jurisdição da Justiça do Ceará. Aguiar, atualmente, residia na Rua Vitória Régia, n° 147, no bairro do Amparo, em Santarém. O bairro está situado em uma área afastada do centro. Ao receber voz de prisão, o acusado não reagiu e foi encaminhado para a Penitenciária Agrícola “Silvio Hall de Moura”, no distrito de Cucurunã, em Santarém.

Ele ficará recolhido no aguardo da decisão da Justiça para que seja transferido para Fortaleza, no Ceará. As prisões fazem parte das diretivas de operação da Polícia Civil no combate aos crimes na região

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 202 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal