Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

27/01/2009 - O Dia Online Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Polícia prende estelionatário em Campos

Segundo a polícia o acusado faz parte da quadrilha de golpistas que agia em 2007.

Rio - Policiais da Delegacia de Roubos e Furtos (DRF) prenderam na manhã desta terça-feira, o suspeito de estelionato Nei Robson Duarte, em Campos de Goytacazes, Região Norte Fluminense.

Ele é acusado de integrar uma quadrilha de estelionatários, envolvida no escândalo da American Tour, em 2007. Nei foi transferido para o Rio, onde vai prestar depoimento e esclarecimento sobre o golpe American Tour.

O golpe

Estava na mira da Delegacia de Defraudações, desde o dia 11 de outubro de 2007, uma quadrilha especializada em superfaturar títulos falsos para aplicar golpes no mercado.

Idosos eram os principais alvos do grupo formado por 10 estelionatários.

Para atrair as vítimas os criminosos ligavam para portadores de títulos antigos, como Cruzeiro do Sul Hotéis Clube e Minas Gerais S/A. “A partir daí, ofereciam títulos falsos com direito a estadia em hotéis e pousadas. Para isso, cobravam taxas de R$ 1 mil a R$ 7 mil”, explicou.

A polícia acredita que mais de 100 idosos tenham caído neste golpe.

Uma das vítimas, de 78 anos, chegou a perder R$ 700 mil na época. Para convencer a aposentada a investir no negócio, os estelionatários alegaram que os títulos seriam comprados por empresários estrangeiros.

Viagens para os EUA

As vítimas que o bando considerava como bons investidores iam até para Miami (EUA). Teve até cliente que eles enviaram para os EUA, e o próximo passo seria Europa. O cliente pagava R$ 700 mil e eles garantiam passagens e hospedagens.

Os suspeitos que estavam foragidos na época eram: Paulo Roberto Mendes de Moraes; Giovana de Souza Almeida; Mário Eduardo do Nascimento; André Luiz Xavier Silva; Priscila Mendes Moraes Nunes; José Ednaldo Mendes Júnior; Luzia Maria Câmara; Maria Amélia de Souza Almeida; Luiz Guilherme Oliveira Souza e Jorge Luiz Cabral de Oliveira.

Eles são acusados de vender títulos da Férias Card Clube de Turismo e Lazer, Aquarius Clube e Unamar Clube.

A polícia já desbaratou outras quadrilhas que aplicavam o mesmo o golpe, entre elas a que atuava pela empresa American Tour Club, fechada ano passado. O bando teria roubado mais de R$ 30 milhões.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 605 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal