Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

21/01/2009 - Imirante.com Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Empresário assume participação em fraude


SÃO LUÍS - O diretor e administrador da Empresa Gonçalves, Gilson Gonçalves assumiu, em entrevista à rádio Mirante AM, a participação no esquema de fraude do cartão do vale transporte.

- A decisão foi minha. Ninguém sabia o que estava acontecendo. Não comuniquei ao Sindicato dos Empresários dos Transportes Coletivos (SET) e nem a Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes (SMTT).

Embora tenha admitido o erro, Gilson alegou que a empresa estava com problemas financeiros e precisava fazer alguma coisa. “Eu precisei demitir funcionários, e mesmo assim não estava adiantando. Tinha que tomar uma decisão rápida”, explica.

Ele explicou que tentou acabar com o esquema, mas como não encontrou nenhum impedimento legal, não procurou a polícia.

Segundo o delegado Ronilson Almeida, que investiga o caso, Gilson já foi intimado a comparecer na Delegacia de Investigações Criminais.

Caso

A Polícia prendeu nesta terça-feira (20) Roberval Campos Carvalho. O suspeito estava com mais de 500 cartões de vale transporte. O produto era comprado de trabalhadores, que apesar de serem beneficiados não utilizavam o vale. Os créditos eram comercializados por R$ 1,15 e negociados os cartões com a Empresa Gonçalves. Roberval faturou cerca de R$ 58 mil. A venda de créditos vinha acontecendo desde junho do ano passado.

Gilson admitiu o erro, mas disse que a empresa estava com problemas financeiros e precisava fazer alguma coisa. “Eu precisei demitir funcionários, e mesmo assim não estava adiantando. Tinha que tomar uma decisão rápida”, explica.

Ele explicou que tentou acabar com o esquema, mas como não encontrou nenhum impedimento legal, não procurou a polícia.

Segundo o delegado Ronilson Almeida, que investiga o caso, Gilson já foi intimado a comparecer na Delegacia de Investigações Criminais.

Rodoviários

O Sindicato dos Trabalhadores em Transporte Rodoviário afirmou desconhecer a venda de créditos dos cartões de transportes. O presidente do sindicato, José Rodrigues, marcou uma coletiva de imprensa para expressar o posicionamento da categoria. A reunião ocorre agora à tarde, na sede do sindicato, na Rua Afonso Pena, no Centro.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 350 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal