Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

02/01/2009 - Decision Report Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

PanAmericano automatiza processo de análise e crédito


Há um ano e meio, o Banco PanAmericano investiu no aprimoramento de seus modelos de análise e aprovação de crédito. A solução foi a aquisição de um software capaz de automatizar os processos, fornecido pela Crivo, empresa de software para automação de análise de crédito e risco. O que a instituição financeira imaginava é que a decisão a ajudaria a reduzir o risco de crédito gerado pela instabilidade econômica atual.

“Passamos por um período de 40 dias tendo que alterar regras de crédito quase todos os dias porque estava tudo muito instável com o início da crise. O Crivo foi muito útil. No sistema anterior qualquer inclusão de novas informações levaria meses”, afirma Karin Thies Vieira Romero, gerente de modelagem de risco do PanAmericano.

O software possibilita que o administrador do sistema dentro do banco altere uma regra ou mude uma política de concessão de crédito em segundos, e quantas vezes forem necessárias.

O Banco PanAmericano utiliza o Crivo nas áreas de cartões de crédito e financiamento de tributos. Com o Crivo, a instituição automatizou 100% das análises em algumas linhas de financiamento – antes só 40% das decisões eram automatizadas – reduziu em 50% o número de consultas pagas e diminuiu a inadimplência em 20% ao selecionar um público de melhor perfil.

A economia financeira com pesquisas tarifadas foi possível porque o Crivo permite a aplicação prévia de regras baseadas em informações internas e externas gratuitas antes de buscar informações em fontes pagas. O sistema anterior consultava obrigatoriamente os órgãos de proteção (Serasa e Associação Comercial de São Paulo) para todas as propostas.

Além da consulta inteligente, o Banco PanAmericano aumentou o número de fontes consultadas em 10 vezes, garantindo ainda mais segurança nos processos de análise.

O Banco PanAmericano também conseguiu reduzir o risco operacional por meio da definição de um score mais adequado para cada perfil de cliente. Com isso, passou a oferecer taxas menores para os de melhor perfil e ganhou ainda mais competitividade de mercado.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 202 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal