Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

21/12/2008 - Diário do Pará Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Vovó golpista se dá mal e vai presa


BELÉM (PA) - Policiais militares de Santa Bárbara do Pará apresentaram ao delegado Roberto Mendes a estelionatária Maria do Carmo Santos Monteiro, de 64 anos, residente na passagem São José nº 02, na Cremação. Ela foi presa dentro do Posto Avançado do Bradesco, no município citado, portando identidade, cartão magnético falso e sacando dinheiro em nome de Amélia Rocha Pereira.

Segundo o auto de flagrante, a vovó do crime Maria do Carmo dos Santos Monteiro compareceu no último dia 10 de dezembro ao posto bancário para fazer um empréstimo no valor de R$2.500,00 utilizando documentos e comprovante de residência falsos em nome de Amélia Rocha.

No dia 17 passado, a proprietária da conta procurou o gerente do Bradesco em Santa Bárbara, Paulo Aviz, pois ao verificar os estratos bancários, notou que alguém teria feito uma farra em seu nome. Começou então uma investigação paralela, para tentar identificar a falsária.

Denúncia

De posse das informações, o gerente do Posto Avançado conseguiu o telefone e contato da estelionatária Maria do Carmo Santos Monteiro e pediu que a mesma comparecesse ao banco, para substituir o cartão antigo por um novo cartão magnético e ao comparar os documentos, certificou-se da fraude.

O gerente acionou a Polícia Militar, tendo o policial Charles Borges, do 21º BPM, detido a estelionatária, que foi conduzida até a Delegacia de Polícia de Santa Bárbara do Pará, onde foi autuada em flagrante delito pelo crime cometido contra a instituição bancária.

De posse do endereço da vovó, o chefe de operações investigador Pestana, juntamente com o investigador Emerson se dirigiu a Belém, no endereço citado, para comunicar a prisão de Maria do Carmo. Chegando à capital, ele acabou descobrindo que o golpe era praticado por uma quadrilha, da qual fazem parte pelo menos seis pessoas, entre elas, o traficante conhecido como “Nanicão” da Cremação.

Quadrilha

Segundo informações do gerente do Posto Avançado de Santa Bárbara, este golpe vem sendo praticado em vários municípios do Estado do Pará e a polícia acredita que se trata da mesma quadrilha, considerando os modos como os crimes são praticados.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 188 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal