Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

16/12/2008 - Portal Terra Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

RS: presos 25 suspeitos de fraudar cartões roubados


A Polícia Federal do Rio Grande do Sul prendeu nesta manhã 25 suspeitos de integrarem uma quadrilha especializada na utilização fraudulenta de cartões de crédito roubados. Os cartões eram obtidos por meio de assaltos a carteiros e motoboys, segundo a PF. A Operação Gemini foi realizada nas cidades de Porto Alegre, Alvorada, Cachoeirinha, Canoas, Cerro Largo, Gravataí, São Leopoldo e Viamão.

O grupo realizava assaltos a carteiros e motoboys que faziam entregas de cartões de crédito e, eventualmente, talões de cheques. Para obter dados pessoais dos verdadeiros titulares dos cartões, os suspeitos realizavam pesquisas em sistemas de informações como o Consultas Integradas, Infoseg, SPC e Serasa.

Os dados eram utilizados para o desbloqueio dos cartões via atendimento eletrônico (call center ou Internet). De acordo com a PF, os cartões desbloqueados eram utilizados na compra de eletroeletrônicos e eletrodomésticos, os quais eram vendidos a receptadores pela metade do valor da nota fiscal.

Investigação

A polícia chegou até o grupo após desarticular uma quadrilha suspeita por crimes pela Internet, acusada de obter senhas bancárias de terceiros através de softwares de captura. Eles foram presos na Operação Cardume, desencadeada em maio pela Delefaz (Delegacia de Repressão a Crimes Fazendários) da Superintendência da Polícia Federal no Rio Grande do Sul.

Durante as investigações, se verificou que um grupo ligado à quadrilha presa praticava crimes de roubo e utilização de cartões de crédito, incluindo alguns da Caixa Econômica Federal, o que atrai a competência da investigação para a Polícia Federal.

Crimes

Os suspeitos presos presos hoje serão indiciados pelos crimes de furto qualificado, roubo qualificado, estelionato, receptação, falsificação de documentos públicos e formação de quadrilha. Além dos mandados de prisão, foram cumpridos 22 mandados de busca e apreensão expedidos pela 2ª Vara Federal Criminal de Porto Alegre.

Durante o cumprimento dos mandados de busca foram apreendidos terminais eletrônicos para cartões de crédito (TEF's), além de documentos falsos, carimbos falsificados de cartório, talões de cheques, cartões de crédito, documentos de identidade e uma arma com numeração raspada. Ainda, aproximadamente R$ 2.950 em notas falsas de R$ 10.

Depois de ouvidos, os presos serão encaminhados ao Presídio Central de Porto Alegre e ao Presídio Feminino Madre Pelletier. Dentre os 28 mandados de prisão cumpridos nesta data, seis dos alvos já estavam presos, em razão de fatos ocorridos no curso das investigações. Participaram da operação 148 policiais, entre Delegados, Peritos, Agentes, Escrivães e Papiloscopistas.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 242 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal