Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

27/11/2008 - Yahoo Notícias / InfoMoney Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Possível fraude na venda de materiais derruba units da ALL, que nega as acusações


SÃO PAULO - As units da ALL ( ALLL11 ) foram o destaque negativo dentre os papéis que compõem o Ibovespa nesta quinta-feira (27), caindo 6,78%, para R$ 11. Além de pressionados pelo movimento de ajuste, os papéis foram derrubados por notícias envolvendo fraudes da companhia na venda de materiais.

"A administração da ALL revela-se surpresa com o objeto das investigações", declarou a empresa em nota enviada ao mercado.

A companhia logística esclareceu, ainda, que as vendas de sucata de material ferroviário efetuadas pelas concessionárias controladas pela Companhia estão amparadas nos Contratos de Concessão e nos Contratos de Arrendamento de Bens Vinculados à Prestação do Serviço Público de Transporte Ferroviário.

Investigação

Segundo a Polícia Federal, a operação contra o desmonte ilegal de vagões e trilhos da antiga RFF (Rede Ferroviária Federal) ocorre em cidades do interior paulista e paranaense. Em São Paulo, a PF acusa a concessionária ALL de vender o material irregularmente. A questão foi levantada pelo Jornal Nacional, da TV Globo.

Na última sessão, a operação apreendeu toneladas de ferro e aço em ferro-velho na cidade de Piracicaba, a 168 quilômetros da capital. Os policiais recolheram arquivos de computador e documentos, como contratos de compra e venda de equipamentos.

Dentre os documentos, foi encontrado um contrato entre a ALL e o ferro-velho Mundica, em que os policiais apreenderam toneladas de sucatas de grande valor econômico (eixos de vagões de carga, motores a diesel e elétrico de locomotivas, rodas, pilhas de trilhos, cabines cortadas e vagão de passageiro em aço inox).

Multa

A ANTT (Agência Nacional de Transportes Terrestres) disse que não autorizou a ALL a desmontar qualquer vagão e já multou a empresa em R$ 750 mil pelo desmanche.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 220 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal