Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

13/11/2008 - Gazeta Online Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Ex-jogador de futebol é preso com identidade falsa

Por: Nuno Moraes


Foram quatro meses nas ruas usando documentos com nome falso e fazendo compras na praça - até um carro foi adquirido, depois da fuga ocorrida em julho. Mas a dupla identidade de Ernesto Henrique Gomes da Silva, 24 anos, acabou na tarde desta quinta-feira, após ser preso no bairro Industrial, em Viana, por policiais da Delegacia de Repressão aos Crimes Contra o Patrimônio (DRCCP).

Ernesto - que também já foi jogador de futebol profissional, atuando por um time da 2ª Divisão capixaba - havia fugido da Penitenciária Agrícola do Espírito Santo (Paes), em julho passado. Desde então, passara a se identificar como Paulo Henrique de Oliveira. Com a Carteira de Identidade falsa ele conseguiu tirar Carteira de Trabalho, vários cartões de crédito e débito e comprar um carro.

A Carteira de Identidade falsa foi preparada por Jean Binda, responsável pela falsificação de documentos de um dos maiores esquemas criminosos já desbaratados pela DRCCP. "Para não ter problemas, ele estava pagando o carro normalmente. Não sabemos se ele fez alguma outra compra e não pagou", explicou o delegado Danilo Bahiense.
A prisão de Ernesto aconteceu após uma denúncia anônima. "Recebemos a denúncia e fomos checar. Achamos o carro e, logo depois, o fugitivo. Ele apresentou a carteira com outro nome, mas acabou se complicando com os nomes dos pais", disse Bahiense.

Ernesto tem três passagens por roubo e, antes da fuga, estava há poucos meses de receber alvará de soltura. "Agora, vai voltar por regime fechado e perder todos os direitos que tinha", falou o delegado. Em outra operação, realizada no bairro Jardim Carapina, na Serra, os policiais da DRCCP apreenderam três pistolas - duas calibre 380 e uma 7.65 -, uma escopeta calibre 12, munição para as quatro armas e ainda nos calibres 44 e nove milímetros, além de pequenas quantidades de cocaína e maconha e três rádio-comunicadores.

A apreensão aconteceu numa casa do bairro, após uma denúncia anônima. "Estamos atacando os focos do crime na Grande Vitória. E tenho a desconfiança que a denúncia foi feita por outra quadrilha, rival da que era dona desse material", finalizou Bahiense.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 295 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal