Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

31/10/2008 - Jornal Agora Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Estelionatários voltam a aplicar o golpe do carro novo

Por: Patrick Chivanski


Nesta semana, duas pessoas em Rio Grande foram vítimas do golpe do carro novo. Na ocasião, os estelionatários apresentaram-se como representantes de duas empresas nacionais de televisão, anunciando que as vítimas haviam sido contempladas com automóveis novos.
No primeiro caso, uma mulher de 33 anos estava em sua casa quando recebeu a ligação de um homem dizendo que trabalhava no SBT e que ela teria sido sorteada com um carro da marca GM/Celta.
Durante a conversa, o golpista informou que para o prêmio ser liberado, a vítima tinha que somar 150 pontos da operadora de telefonia móvel Tim. A conversa durou cerca de uma hora, e os criminosos relataram que o veículo seria entregue por uma transportadora.
Logo em seguida, a vítima comprou 10 cartões telefônicos, no valor de R$ 15 cada, e ligou para o número deixado. Após a moça passou os números dos códigos de barra dos cartões, o golpista disse que ela também havia sido sorteada com uma casa nova, mas que para obter o novo prêmio ela teria que comprar mais R$ 200 em cartões.
Desconfiada, a vítima desligou o telefone e através de uma pesquisa na internet ficou sabendo que se tratava de um golpe. A moça também informou à polícia que os golpistas estavam usando o seguinte número: 031-85-9659-46-78.
O outro golpe foi aplicado em uma mulher moradora no bairro Cidade de Águeda. A vítima relatou à polícia que recebeu uma mensagem da Record, informando que ela havia ganho um carro GM/Astra Sedan, mas para que o prêmio fosse entregue, ela tinha que ligar de um telefone fixo para o número 014-85-9173-41-45, e informar a senha *2530.
A vítima fez a ligação de um telefone público, mas não foi atendida. Logo em seguida, ela voltou a ligar, mas desta vez da casa de uma vizinha.
Segundo a vítima, um homem apresentando-se como Washinton Oliveira Aguiar atendeu a ligação e passou a pedir os dados. A mulher informou ao golpista todo o seu nome e o número de sua conta bancária, mas quando ela disse que não tinha dinheiro, a ligação foi desligada.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 247 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal