Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

21/10/2007 - Bem Paraná Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Estelionatários inventam "explosão de prêmios"


Pelo menos quatro casos já foram registrados em Ponta Grossa; agora, nome de emissora de tevê é usada pelos criminosos para enganar vítimas
Somente nos últimos dois dias, quatro pessoas comunicaram à Polícia Militar a ocorrência de novo tipo de golpe que estelionatários estão aplicando na cidade, provavelmente falando de dentro de presídios espalhados pelo país. Dentre tantas outras formas já inventadas pelos criminosos, desta vez eles anunciam “explosão de prêmios”, supostamente promovida por emissora de tevê de São Paulo.

Segundo as vítimas relataram à PM, os estelionatários mandam uma mensagem de texto dizendo: “o seu celular foi sorteado para receber um Ford Fiesta Sedan 1.6, zero quilômetro; para maiores informações ligue grátis de um telefone fixo para 0318.596.087.973”. Ainda conforme os relatos, quando a pessoa liga para o número, o atendente pede que seja feito depósito de valores variados que vão de R$ 200,00 a R$ 1 mil. Como a vítima se nega a depositar o dinheiro, vem a ameaça: “nós já temos todos os seus dados e exigimos que deposite este dinheiro, caso contrário nós mataremos – ou seqüestraremos - você ou alguém de sua família”. A uma das vítimas, o golpista disse que era do PCC – Primeiro Comando da Capital -, grupo criminoso que funciona a partir das cadeias paulistas. Outro telefone repassado às vítimas é o 85 – 96087973. Como nas outras muitas modalidades de golpes aplicados ou tentados, o comando do 1º Batalhão orienta as pessoas a desconfiarem de ligações que prometem vantagens absurdas como sorteios, prêmios, viagens etc ou que ameacem seqüestros da vítima e de parentes. O primeiro passo é desligar o telefone e avisar as polícias Militar e Civil sobre a ocorrência. “Jamais se desesperar e atender aos pedidos dos bandidos”, diz a oficial relações públicas do 1º Batalhão, Natália Marangoni. Ela deixa à disposição da comunidade o telefone 190, emergência, ou o disque-denúncia (42) 3223-0190.
Criativos— Ao longo do ano, principalmente nos últimos meses, ao menos em Ponta Grossa e região, várias modalidades de golpes assustaram a população, como o do seqüestro relâmpago, do crédito de celulares, do prêmio a partir de códigos de rótulos de mercadorias famosas, da ajuda a entidades e à polícia, entre outros. Os golpes e tentativas deixam de acontecer tão rapidamente quanto aparecem, na medida em que as vítimas se conscientizam e passam a ignorar as ameaças e a extorsão. Para a aspirante Natália, o comportamento das pessoas diante destas ligações tende a desmotivar os criminosos em pouco tempo, forçando-os a pensar em novas investidas. “É preciso estar atento e saber que se pode contar com a Polícia Militar 24 horas por dia para averiguação dos casos, orientação e outras medidas que tranqüilizem as vítimas”, conclui.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 577 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal