Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

20/10/2008 - G1 / EFE Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Júri americano afirma que Parmalat prejudicou Citigroup com fraude


Nova York, 20 out (EFE) - Um júri americano determinou hoje que a empresa Parmalat cometeu fraude com o grupo financeiro americano Citigroup por causa do colapso da companhia italiana em 2003.

Com seis de seus sete membros a favor, o júri também fixou em US$ 364,2 milhões os danos pelos quais a entidade financeira deverá ser compensada, segundo a imprensa local.

Em março de 2005, o que era na época o maior conglomerado financeiro dos Estados Unidos decidiu apresentar um processo em Nova Jersey contra a firma italiana pelos danos sofridos em conseqüência de seu colapso.

O processo foi impetrado em resposta à apresentada no ano anterior pela Parmalat contra o Citigroup, ao qual acusava de continuar seus negócios com a empresa láctea, apesar de conhecer a condição real de suas finanças e ter causado prejuízo no valor de US$ 2,2 bilhões.

A decisão de hoje respalda a tese defendida pelo Citigroup, que sustenta que as acusações contra si eram falsas e que não tinha conhecimento do verdadeiro estado financeiro da Parmalat, à qual acusava de forjar documentos e abusar da confiança do banco.

"O Citigroup é uma vítima da fraude da Parmalat. Não tinha nada a ver com estas fraudes e não estava a par delas. Se tivesse conhecido a verdade, não teria feito negócios com a Parmalat", afirmou William Mills, o então presidente-executivo de bancos corporativo e de investimento do banco para Europa, Oriente Médio e África.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 195 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal