Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

20/10/2008 - PC Magazine Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Segurança cresce 13% no Brasil

Por: Bruno do Amaral


Hoje ninguém mais pode contar com a sorte. Utilizar um computador conectado à rede sem uma solução de segurança é praticamente um suicídio corporativo e, por isso mesmo, não é de se estranhar os números que o IDC divulgou nesta segunda-feira (20). O mercado de softwares de segurança cresce quase 13% no primeiro semestre no Brasil, com soluções de gerenciamento de identidade liderando o crescimento.

Mesmo com o crescimento, a proporção de investimentos na área ainda é pequena em relação à média mundial. Segundo o instituto, um dos motivos é a falta de consciência quanto aos riscos existentes, especialmente para as pequenas e médias empresas.

O estudo consta de um estudo chamado Brasil Semiannual Security Software Tracker, ainda em fase de conclusão. De acordo com a pesquisa, os efeitos da instabilidade econômica mundial não afetaram o mercado nacional e só devem se tornar evidentes no último trimestre.

Um trabalho minucioso foi feito para entender profundamente o mercado brasileiro de software de segurança, que foi dividido em quatro segmentos: Identity and Access Management (Gerenciamento de Acesso e Identidade); Security Content and Threat Management (Proteção contra vírus, spyware, spam, hackers, invasões); Security and Vulnerability Management Software (soluções que possibilitam às empresas determinar, interpretar e melhorar a postura quanto à riscos) e outros (soluções emergentes como criptografia, segurança wireless, webservices etc). Destes, as soluções para Security Content and Threat Management representaram 70% do mercado brasileiro de software no 1º semestre.

A área de gerenciamento de identidade (soluções para identificar o usuário e controlar o acesso) é a que mais cresce e deve responder por 17% do total de tudo gasto no Brasil em 2008. Segundo Samuel Carvalho, analista de software da IDC, esse investimento crescente nas soluções de gerenciamento de identidade visa principalmente o combate à corrupção e à fraude, gestão de risco e transparência e, por enquanto, está concentrado nas grandes empresas provenientes do segmento financeiro e o de manufatura. “O governo ainda não é um forte comprador, mas já está percebendo a necessidade desse tipo de projeto. Vale lembrar que, quanto maior o tamanho da empresa cresce a preocupação com as ameaças de origem interna e isso estimula o mercado. Já, as pequenas empresas estão mais preocupadas em instalar produtos como anti-virus e firewall para garantir a segurança”.

O analista acredita também que o Brasil está mostrando mais maturidade ao adquirir soluções integradas de segurança, com pacotes que atuam em várias áreas simultâneas. "Como se trata de um mercado bastante voltado ao segmento doméstico, é importante a presença nas redes de varejo. Outra tendência é prover segurança nas soluções móveis, um mercado ainda pouco explorado, mas com grande potencial de crescimento".

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 220 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal