Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

14/10/2008 - Jornal da Cidade de Bauru Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Em Marília, golpe do boleto falso é aplicado em vários comerciantes


Marília - Comerciantes de Marília (100 quilômetros de Bauru) estão sendo vítimas do golpe do boleto falso. O alerta é da Associação Comercial e Industrial de Marília (Acim), que tem recebido denúncias de muitos comerciantes que caíram no golpe.

Como tem se tornado freqüente no comércio da cidade, sempre nas datas próximas ao início da segunda quinzena de cada mês, um elevado número de boletos falsos é encaminhado aos comerciantes. Trata-se de um golpe antigo, porém, de difícil percepção por parte das vítimas.

“O golpista aproveita a ansiedade do empresário em liquidar as dívidas, e muitos pagam sem saber do que se trata”, comenta Sérgio Lopes Sobrinho, presidente da Acim.

Segundo o dirigente, no período de maior intensidade de cobranças, o golpista envia pelo correio com a falsa identificação de uma instituição bancária uma cobrança em nome de uma empresa também falsa, cobrando uma quantia sem critério e sem explicação.

O comerciante, afoito em se livrar das cobranças, acaba pagando uma cobrança bancária imaginando se tratar de algo sério e necessário, mas que na verdade é um golpe. “Uma vez fazendo o pagamento, nunca mais o dinheiro é recuperado”, alerta Sobrinho.

De acordo com a Acim, são muitos os comerciantes que procuram o órgão buscando informações sobre entidades que surgem como cedente na cobrança bancária. Outros comerciantes associados procuram a entidade para tentar reaver o dinheiro pago, enquanto a maioria faz a denúncia como forma de alertar os demais.

A Acim tem recolhido algumas cobranças indevidas como forma de ajudar na documentação de processo jurídico contra essas instituições falsas, por meio da Federação das Associações Comerciais do Estado de São Paulo (Facesp).

Sobrinho recomenda aos comerciantes que tomem alguns cuidados ao receberem boletos de cobrança. “Ao receber a cobrança bancária, independentemente de quem seja, procure o documento que determine a contratação do serviço ou compra de algum produto”, diz.

“Procure a Acim, pois temos um banco de dados com os nomes de todas as entidades falsas que costumeiramente enviam esse tipo de cobrança indevida”, acrescenta Sérgio Lopes Sobrinho.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 201 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal