Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

11/10/2008 - Diário da Manhã Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

51,8% dos servidores contratam consignado

Por: Iris Bertoncini


Cartilha vai esclarecer ao servidor público sobre cuidados quando contratar empréstimo consignado. Iniciativa, lançada ontem, é do governo de Goiás e da Associação de Bancos (Asban). Mais da metade, 51,8%, dos funcionários do Estado, faz empréstimo de financeiras e bancos com desconto direto na folha de pagamento, segundo dados da Superintendência de Gestão da Secretaria da Fazenda (Sefaz).

Em setembro, exatos 77.643 servidores tiveram descontos em folha de um total de 149.901 aptos a contrair crédito, repassando às instituições financeiras o montante de R$ 34,8 milhões. Margem consignável do governo é de quase R$ 91 milhões. "Funcionários utilizam 12,5% do total do salário, mas podem chegar ao limite de 30%", diz o superintendente de Gestão do Sefaz, Luiz Edgar Tollini. Para ele, a cartilha deve conscientizar sobre algumas armadilhas deste tipo de empréstimo.

Órgão que mais utiliza o sistema é a Secretaria de Segurança Pública. Dos 12.496 servidores, 82,7% solicitaram o empréstimo. Corpo de Bombeiros fica em segundo lugar, com 79,8%. Cabo da Polícia Militar, Antônio Barbosa da Silva aproveitou os 30% da margem consignável para comprar moto, adquirir móveis novos e reformar o carro. Negociado em 36 meses, prorrogou prazo para 60 e não se arrepende. "Melhorei minha qualidade de vida", diz.

Taxa de juros para dividir em 24 meses varia entre 1,75% e 3,8% ao mês. Crédito consignado é considerado o mais seguro para bancos e financiadoras por recolher pagamento direto na fonte. Porém, é o alvo mais fácil para estelionatários, que utilizam documentos e contas falsas para obter o empréstimo. Funcionário público pode ser lesado ao passar dados pessoais por agentes não credenciados pelo Banco Central, que oferecem empréstimos sem consultas ao Serviço de Proteção ao Crédito (SPC) e Serasa.

Autorização

Em Goiás, existem 64 bancos e financeiras autorizadas para fazer o crédito consignado. Segundo o vice-presidente da Asban, Mário Jorge Alencastro, a entidade pretende diminuir as fraudes no sistema com a cartilha. Modelo está sendo estudado por outros Estados.

Tanto o Procon quanto as ouvidorias da Sefaz e Asban podem ser procuradas para reclamar ou esclarecer dúvidas aobre contratos. Empréstimos podem ser feitos por agentes credenciados à Asban. No site www.administracao.go.gov.br, servidores podem simular juros dos empréstimos e pegar mais informações sobre o crédito.

Foram impressas 156 mil cartilhas, que serão distribuídas em todos os órgãos do Executivo. Contém respostas a 14 dúvidas sobre tema, telefones das ouvidorias e dos associados da Asban. Agora será possível se informar corretamente sobre o funcionamento das consignações, direitos e deveres das partes, tempo para liberação de empréstimos e formas de descontos. Explica também o Custo Efetivo Total (CET), que deve conter taxas e cobranças do contrato em um índice único, facilitando a escolha da instituição que melhor atenda as necessidades naquele momento.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 296 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal