Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

03/10/2008 - O Estado de Minas Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Polícia desmonta esquema de fraude em serviço de TV a cabo

Por: Emerson Campos


A polícia mineira desbaratou um esquema que fraudava serviços de TV a cabo em Belo Horizonte. Wallison Gonçalves Gomes, de 30 anos, foi preso enquanto fazia a entrega de dois decodificadores desbloqueados e capazes de oferecer livre acesso a todos canais da NET. Os aparelhos seriam vendidos por R$ 1 mil.

A operação que resultou, na noite de quinta-feira (2), na prisão do suspeito foi montada pela polícia em parceria com a operadora. Um funcionário da empresa entrou em contato com Wallison Gomes e fingiu estar interessado nas "facilidades".

Ao delegado Marco Antônio de Paula Assis, Wallison Gomes tentou explicar o crime, alegando dificuldades financeiras.

O suspeito contou que os aparelhos eram comprados em São Paulo, via internet. Wallison Gomes se comprometeu a ajudar nas investigações O suspeito foi liberado. Ele vai responder por estelionato e receptação.

De acordo com o advogado da empresa, José Henrique Gonçalves, companhias que prestam serviços na área de telecomunicação sofrem com práticas ilícitas. “Os prejuízos com a pirataria são grandes, principalmente porque essas ações são muito difíceis de serem descobertas”.

Gonçalves lembra que quem compra o aparelho também está cometendo crime. “É importante que as pessoas saibam que, ao adquirir esses decodificadores desbloqueados, elas também estão sujeitas a responder por crimes e a processos”, alerta.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 491 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal