Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

24/09/2008 - Portal MS Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

SFA/MS apreende mel com selo de Inspeção falsificado

Por: Valter Loeschner


Crédito: Divulgação Técnica SFA/MS
Mediante denúncia anônima recebida de consumidores da região sul do Estado, Fiscais Federais Agropecuários do Serviço de Inspeção de Produtos Agropecuário da Superintendência Federal de Agricultura (SFA/MS), apreendeu centenas de potes de mel com rótulos das marcas K-Bom e Flor do Pantanal, apresentando fortes indícios de adulteração do produto (odor estranho), falsificação do rótulo, da razão social (empresa responsável) e o selo do Serviço Oficial de Inspeção Federal do Ministério da Agricultura (Mapa).

O mel apreendido pelos fiscais da SFA/MS estava sendo comercializado em supermercados de Ivinhema, Deodápolis e Fátima do Sul. O produto apresenta forte cheiro de "glucose de milho", podendo ser adulterado com outros produtos e essências de menor custo para os fraudadores. Amostras do produto apreendido já foram encaminhados ao laboratório da Universidade Federal (UFMS) para análises físico-química e macrobiológica.

A fiscalização da SFA/MS sobre essas e outras marcas de mel serão intensificados em todo o Mato Grosso do Sul com o objetivo de chegar à origem das fraudes. Enquanto isso, os produtos com essas marcas e outras que ainda estão sob sigilo, continuarão sendo apreendidas e impedidas de serem comercializadas, por caracterizar-se como um produto clandestino, sem origem devidamente comprovada e as garantias de procedência, que podem trazer sérios problemas a saúde dos consumidores. Na maioria dos casos encontrados o selo do Serviço de Inspeção Federal do Mapa foi falsificado pelos comerciantes de mel na intenção de facilitar a colocação desse produto nos supermercados e deixar transparecer aos consumidores que o produto foi embalado em um ambiente higiênico e livre de contaminações.

Adir Xavier, Chefe do Serviço de Inspeção de Produtos Agropecuários da SFA/MS, alerta os apicultores e comerciantes de mel e derivados, que queiram produzir um alimento seguro para a população, que procurem os órgãos de Inspeção para regularizarem a atividade, que dependerá do âmbito de comercialização, se a produção é pequena e vendida apenas no município, basta o SIM (Serviço de Inspeção Municipal) se o objetivo é comercializar em outros estados ou até mesmo exportação para outros países, então será necessário enquadrar-se as exigências internacionais contempladas no Serviço de Inspeção Federal (SIF).

No Mato Grosso do Sul esse serviço funciona na Superintendência Federal de Agricultura (SFA/MS), dúvidas e informações para registro ou adequações de estabelecimentos (entreposto de mel) poderão ser tiradas através do telefone (067) 3316-7104 ou nos Escritórios da IAGRO, instalados em praticamente todos os municípios do Estado.

Os consumidores devem ficar atentos e denunciar a SFA ou IAGRO casos semelhantes a esses e atentar para as informações contidas nas embalagens de mel, que podem facilmente deduzir se o produto que está sendo adquirido é ou não adulterado ou falsificado. Informações mais detalhadas ou denúncias sobre produtos irregulares poderão ser encaminhadas ao Setor de Mel e Derivados do Serviço de Inspeção de Produtos Agropecuários (SIPAG-SFA/MS), através do e-mail: sipag-ms@agricultura.gov.br

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 296 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal