Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

23/09/2006 - CBN FM - Curitiba Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Advogado envolvido em esquema de fraudes de precatórios tem registro cassado

Por: Luciana Zenti


O Conselho Pleno da OAB-PR se reúne na próxima sexta-feira, dia 29, para votar a cassação do registro de advogado de Carlos Alberto Pereira.

Ele é um dos principais envolvidos na chamada “Máfia dos Precatórios”, um esquema que causou prejuízos de mais de 150 milhões de reais aos cofres do governo do Paraná.

A quadrilha, da qual Carlos Alberto é acusado de fazer parte, procurava servidores públicos que tinham títulos precatórios para receber do Estado – uma espécie de autorização emitida por um órgão público para pagar uma indenização.

As vítimas da quadrilha eram atendidas no próprio escritório do advogado. Sem saber da fraude, elas assinavam uma procuração, que servia para que o advogado emitisse documentos falsos e conseguisse receber a indenização. Na maioria das vezes, os supostos cliente nem chegavam a saber que a indenização já havia sido autorizada.

O esquema foi descoberto pelo Núcleo de Repressão a Crimes Econômicos em julho deste ano.

Carlos Alberto está foragido desde 30 de junho, quando teve a prisão preventiva foi decretada. Para que ele seja cassado, é preciso que 20 dos 34 membros do Conselho Pleno da OAB votem pela cassação.

O procurador chefe da Procuradoria Geral do Estado, Paulo Gomes Júnior, é quem comanda as investigações da Máfia dos Precatórios. Ele disse que deve se manifestar a favor da cassação de Pereira.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 455 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal