Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

14/09/2008 - Folha de São Paulo Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Equipamento da polícia descobre adulteração de velocímetro


A Polícia Civil de São Paulo realiza vistorias em lojas de carros na Região Metropolitana com um equipamento que detecta se houve adulteração dos velocímetros (hodômetros) dos veículos. Durante seis meses de investigação, a operação Papa-Léguas já apreendeu 22 carros que estavam sendo comercializados com irregularidades na quilometragem.

"As investigações começaram a cerca de seis meses e se estenderão por vários dias, devido ao grande volume de fraude", afirmou o delegado titular da Divecar (Delegacia de Investigação Sobre Furtos e Roubos de Veículos e Cargas), Carlos Eduardo Duarte de Carvalho.

Segundo o delegado, a polícia tinha dificuldade de detectar a fraude mas agora conta com um equipamento que permite a descoberta da real quilometragem do veículo. "Por meio de uma série de pesquisas, descobrimos um aparelho que fazia isso".

De acordo com a polícia, os testes estão sendo feitos em lojas de automóveis na Capital e na Grande São Paulo. As próprias lojas que consertam velocímetros dispõem de um computador portátil que é usado para alterá-los.

"Vamos descobrir quem faz as adulterações. Já pegamos o pessoal que efetivamente altera, mas estamos fazendo um trabalho para saber com quantos quilômetros o carro foi vendido. Além das informações das concessionárias, contamos com o apoio de bancos de dados das seguradoras que, no momento da vistoria, registram a quilometragem", explicou Carvalho.

Segundo a polícia, os culpados por adulteração do velocímetro responderão por crime contra relação de consumo, indução do consumidor ou usuário a erro e venda com condições impróprias ao consumo. A pena para esse tipo de crime varia de dois anos até cinco anos de detenção.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 439 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal