Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


ÚLTIMOS TREINAMENTOS DE 2017 SOBRE FRAUDES e DOCUMENTOSCOPIA

Veja aqui a programação dos últimos treinamentos sobre Falsificações e Fraudes Documentais (16/11) e sobre Prevenção e Combate a Fraudes em Empresas (30/11).

Acompanhe nosso Twitter

23/09/2006 - Diário de Cuiabá Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Mudar documentos de carros é tarefa fácil para falsários


Transformar de forma criminosa um ônibus num caminhão não é tarefa tão difícil para quadrilhas organizadas. Basta pegar a documentação de um ônibus que deixou de circular e juntar um caminhão roubado. No caminhão, faz-se a remarcação do chassis e o novo veículo está pronto para poder circular.

Segundo a delegada Vera Rotilde, da Delegacia de Repressão a Roubos e Furtos de Veículos (DERRFVA), antes essa transformação era permitida. Enquanto o ônibus tem a marcação do chassis na parte traseira, no caminhão a marcação é na frente. Então, a marcação era refeita. A determinação podia ser feita legalmente, mas agora foi proibida porque os bandidos estavam aproveitando essa situação para fazer a remarcação.

“A resolução 2003/99 permitia essa transformação, mas no documento aparecia o chassis original constando como ônibus, mas os bandidos estavam se aproveitando da situação e essa mesma resolução acabou sendo revogada”, lembrou a delegada.

Mesmo proibida, os criminosos continuam fazendo a transformação. Para conseguir a documentação, no entanto, contam com a ajuda do Detran. Em Mato Grosso, a fiscalização não detectou caso algum.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 475 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal