Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

09/09/2008 - Gazeta Online Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Você está seguro na internet?

Por: Karine Nobre


A época em que um computador estava seguro apenas com um bom antivírus já passou. Hoje, cada vez mais, o usuário deve ficar atento ao que vai na sua máquina computador, desde receber e-mails, usar pendrives e até mesmo no relacionamento com as pessoas em sites de relacionamentos.

"O antivírus é somente parte da proteção. Além dos outros programas de proteção, é recomendável usar software original e atualizá-lo sempre. Afinal, de nada adianta ter todos os programas de proteção atualizados, se o seu sistema operacional possui uma falha crítica que permite a invasão do computador", aconselha o consultor da ISH Tecnologia, João Paulo Barros da Silva Pinto.

Além disso, todo cuidado é pouco na hora de navegar pela internet. Um dos golpes mais comuns é o da página falsa, principalmente a de home-banking, onde sua senha do banco pode ser roubada. Digite sempre o endereço do seu banco e nunca vá até a página por meio de atalhos em outros sites e e-mails.

Senhas
Outra precaução é com as senhas. É sempre bom lembrar que datas de aniversários, nomes de filhos, telefones, placas de carro, não são as melhores opções quando se está elaborando uma senha segura.

Palavras que são encontradas em qualquer dicionário também estão de fora, pois existem programas que quebram senhas, checando todas as palavras existentes em um dicionário. E na hora de guardar confie sempre na sua cabeça. Nada de papelzinho guardado na carteira, sob o computador ou o ouse pad.

"Use sempre senhas complexas, mas que sejam fáceis de ser usadas. Uma palavra que você vai se lembrar, mas substituindo algumas letras por caracteres especiais, como. E jamais use uma mesma combinação para tudo. Acesso a bancos, e-mail e uso geral, devem ter sempre senhas diferentes", adverte.

Nesta reportagem, vamos dar dicas de segurança e ouvir uma especialistas sobre os principais riscos aos quais o internauta está sujeito.

44.461 incidentes
É número de problemas (worms, invasões, scans e fraudes) reportados ao Centro de Estudos, Resposta e Tratamento de Incidentes de Segurança no Brasil (Cert) de abril a junho deste ano.

Cuidados nas empresas
O pendrive é um enorme risco para um ambiente corporativo. Além de ser uma fonte de transmissão de programas maliciosos, seu espaço de armazenamento (em média 1GB), pode acomodar muitos dados. Outro cuidado é com CDs, DVDs e HDs: quando descartados, devem ser destruídos ou inutilizadas. Treinamento e conscientização também é fundamental. "Cerca de 70% dos ataques a empresas partem de dentro, seja por insatisfação, falta de política de segurança correta ou má-fé", diz o consultor da ISH Tecnologia, João Paulo da Silva Pinto.

Dicas para não ser mais uma vítima
1 Senhas

Deve ter pelo menos oito caracteres, compostos de letras, números e símbolos.
- Não utilize palavras que possam ser encontradas em dicionários ou que possam ser relacionadas a você.
- Utilizar uma senha diferente para cada serviço e alterar a cada três meses.

2 Vírus e outros programas maliciosos
Manter atualizado um bom programa antivírus.
- Não executar ou abrir arquivos recebidos por e-mail ou por outras fontes, mesmo que venham de pessoas conhecidas, sem antes passar pelo antivírus.
- Manter o sistema operacional e demais softwares de proteção sempre atualizados.
- Aplicar todas as correções de segurança (patches) disponibilizadas pelos fabricantes, para corrigir eventuais vulnerabilidades existentes.

Browsers
- Manter sempre atualizado.
- Certificar-se da procedência do site e da utilização de conexões seguras ao realizar transações via web.
- Somente acessar sites de instituições financeiras e de comércio eletrônico digitando o endereço diretamente no seu browser, nunca clicando em um link existente em uma página ou em um e-mail.

3 Programas de mensagens instantâneas (MSN) e redes sociais (Orkut)
Deve ser mantido sempre atualizado.
- Não aceitar arquivos de pessoas desconhecidas.
- Evitar fornecer muita informação, principalmente a pessoas que você acabou de conhecer.
- Não fornecer informações como senhas ou números de cartões de crédito para pessoas que se apresentem como funcionários de bancos ou órgãos públicos ? essas entidades nunca solicitam nada por e-mail.

Fraude
- Não fornecer dados pessoais, números de cartões e senhas através de contato telefônico.
- Ficar atento a e-mails ou telefonemas solicitando informações pessoais.
- Não acessar sites ou seguir links recebidos por e-mail ou presentes em páginas sobre as quais não se saiba a procedência.
- Sempre que houver dúvida sobre a real identidade do autor de uma mensagem ou ligação telefônica, entrar em contato com a instituição, provedor ou empresa para verificar a veracidade dos fatos.

4 Home banking e compra pela internet
Realizar transações somente em sites de instituições que você considere confiáveis.
- Digite sempre o endereço desejado. Não utilize links em páginas de terceiros ou recebidos por e-mail.
- Certifique-se que o site faz uso de conexão segura (ou seja, que os dados transmitidos entre seu browser e o site serão criptografados) e utiliza um tamanho de chave considerado seguro.
- Não acessar sites de comércio eletrônico ou internet banking através de computadores de terceiros.
- Desligar sua webcam ao acessar um site de comércio eletrônico ou internet banking.

5 Banda larga e redes sem fio (wireless)
Instalar um firewall pessoal e ficar atento aos registros de eventos (logs) gerados por este programa.
- Se compartilhar recursos como disco ou impressora entre máquinas, o firewall deve ser configurado para que não permita a sua visualização pela internet.
- Usar WEP (Wired Equivalent Privacy) sempre que possível para conexão sem fio.
- Verificar a possibilidade de usar WPA (Wi-Fi Protected Access) em substituição ao WEP, uma vez que este padrão pode aumentar significativamente a segurança da rede.

Fonte: Cartilha de Segurança para Internet elaborada pelo Cert (cartilha.cert.br)

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 264 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal