Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

04/09/2008 - Partner Report Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Diversidade em meios de pagamento aumenta vendas on-line

Por: Heloisa Valente


O comércio eletrônico caminha a passos largos no Brasil. Somente no primeiro semestre deste ano o faturamento do setor foi de R$ 3,8 bilhões, alta de 45% sobre o mesmo intervalo de 2007, segundo a e-bit. No entanto, para que o e-commerce continue a conquistar adeptos - hoje são 11,5 milhões de brasileiros que compram pela internet - é preciso diversificar as formas de pagamento aceitas nas transações on-line.

"Aliar cartões de crédito, debito, boleto bancário, transferências entre contas e moblie payment é essencial para aumentar vendas". A opinião é de Svante Westerberg, vice-presidente da Braspag Tecnologia em Pagamentos. O executivo participou, na semana passada, do C4 - Congresso de Cartões e Crédito ao Consumidor. Em sua apresentação, destacou que essa diversidade pode aumentar em até 14% as vendas nas lojas virtuais.

"Muitos consumidores ainda temem fraudes na internet. Assim, oferecer para eles opções múltiplas para o pagamento das despesas é um diferencial", afirma. Svante diz que no Brasil, 85% dos internautas têm preocupações com os pagamentos on-line, mesmo assim, ressalta que o cartão de crédito é o meio preferido dos e-consumidores. "Os sistemas de segurança anti-fraude (tanto pelo lado do comerciante como dos clientes) aliados nesta operação avançam rapidamente e conquistam os internautas", analisa.

O mercado brasileiro tem características próprias que ganham destaque quando o assunto é venda pela internet. Por aqui, 23% dos e-consumidores utilizam financiamentos on-line para suas compras e 50% parcelam valores sem juros. "Estas duas modalidades de pagamento são inovadoras e contribuem para a expansão do varejo eletrônico", diz.

Para ele, cada vez mais as lojas buscam a internet para vender, pois sabem que este é um mecanismo que veio para ficar no mundo todo. "A internet é global e as empresas também querem ser globalizadas. Mas, para que isso aconteça de maneira positiva para os negócios, é necessário investir em tecnologia que garanta segurança nas operações", conclui.

Svante afirma que este deve ser um esforço conjunto dentro da cadeia de valor do varejo on-line. Ele cita exemplos de sucesso nesta área que aliam plataformas inovadoras de pagamento com segurança. "Amazon.Com, PayPal, Google Check Out são modelos de negócios bem sucedidos que conquistam internautas globalmente. O Amazon.com, por exemplo, cresce 80%/ano fora dos Estados Undios, pois está apoiado em múltiplas soluções seguras de pagamento", conta.

No Brasil, o executivo integra o quadro da Braspag, empresa especializada em desenvolver e gerir operações de pagamentos a distância. A companhia viabiliza para Internet e Call Center vendas diretas por cartões de crédito e débito, boletos bancários e débito automático em conta corrente.

Fundada em abril de 2005, a Braspag através do relacionamento com bancos e operadoras de cartão de crédito, realiza as operações financeiras entre seus clientes e os consumidores finais. Além disso, opera soluções especializadas em autenticação e controle de pagamentos, capazes de analisar o perfil do comprador e de avaliar o risco de uma transação fraudulenta.

Atualmente, na América Latina, a empresa atende países como o Brasil, Argentina, México e Chile. No mercado brasileiro, 80% do fluxo do comércio eletrônico é processado na companhia, através de uma plataforma única que concilia pagamentos dos cartões Visa, MasterCard. Amex, Aura e Hipercard. Somente no ano passado, mais de R$ 4,5 bilhões foram processados na Braspag.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 224 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal