Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

02/09/2008 - Zero Hora Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Quadrilha tinha grandes lucros com venda de carros roubados


A quadrilha presa no início da manhã desta terça-feira pela Polícia Civil, na Região Metropolitana, obtinha altos lucros com a venda dos carros roubados. Entre o roubo e a venda do veículo, os bandidos conseguiam obter lucros de mais de R$ 30 mil.

Com o roubo, falsificação de documentos e numeração do automóvel, a quadrilha tinha um gasto de aproximadamente R$ 2 mil. Dependendo do automóvel, a venda chegava a render entre R$ 35 a R$ 40 mil.

A quadrilha, além de roubar e furtar automóveis, clonava placas, adulterava documentação e vendia os veículos por meio de anúncios em jornais. Os criminosos chegavam a comercializar um veículo por semana.

As investigações da Operação Anúncio duraram dois meses. No golpe, as vítimas era atraídas pelos preços dos veículos, entre R$ 2 mil e R$ 3 mil abaixo dos praticados no mercado. Os encontros para fechar o negócio eram realizados em locais que davam credibilidade ao grupo, como as áreas públicas do Fórum Central e da sede da Receita Federal, ambos em Porto Alegre.

Os criminosos se passavam por funcionários dessas instituições. A seguir, os quadrilheiros iam a cartórios de registro e reconheciam firma com nomes falsos na frente dos compradores.

Na operação desta terça-feira foram presas sete pessoas e cumpridos sete mandados de busca e apreensão em Esteio e Alvorada. Um integrante da quadrilha ainda está sendo procurada pela polícia em Alvorada.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 222 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal