Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

29/08/2008 - paraiba.com.br Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Operação Cascavel quer prender 35 por fraudes em veículos e CNH


A Polícia Federal deflagrou hoje de manhã a “Operação Cascavel” que contou com o apoio da Polícia Rodoviária Federal, do Ministério Público Estadual da Paraiba e da Secretaria de Segurança e Defesa Social da Paraíba. Estão sendo cumpridos 35 mandados de prisão temporária e 60 mandados de busca e apreensão, os quais foram expedidos pelo juízo da 6º Vara Criminal de João Pessoa,em razão de representação conjunta eleborada pelo Departamento de Polícia Federal e Ministério Público da Paraiba.

A representação tem como base indícios e provas colhidos durante investigações da Polícia Federal que identificou a existência de uma organização criminosa com atuação em várias unidades da Federação, com a cooptação de agentes públicos responsáveis pela inserção de dados falsos no sistema Renavam, gerenciado pelo Detran da Paraíba e as Ciretrans de Campina Grande e Catolé do Rocha.

As investigações iniciaram-se em fevereiro de 2008, tendo como objetivo inicial o acompanhamento de um grupo de assaltantes que atuavam neste Estado da Paraiba e no Estado de Pernambuco roubando veículos. Após serem furtados, os veículos tinham seus sinais identificadores modificados, normalmente em várias sucatas localizados neste Estado da Paraiba, para serem legalizados, através de estelionatários e despachantes que obtinham Certificados de Licenciamento e Registro dos Veículos – CRLV(s) expedidos pelo Detran-PB

A PF constatou a existência de pelo menos dois esquemas criminosos praticados dentro do Detran paraibano, voltados para regularização e expedição de Certificados de Registros e Licenciamento de Veículos – CRLV, com conseqüente inserção de dados ideologicamente falsos na base estadual do Renavam, contando com o auxílio direto de falsas perícias elaboradas pelo Instituto de Polícia Científica – IPC de Campina Grande; e expedição de Carteiras de Habilitação, em total afronta aos princípios regidos pela Legislação vigente (Código de Trânsito e Resoluções do Conatran).

No período investigado se pode constatar a regularização fraudulenta de mais de 300 (trezentos) veículos, bem assim a expedição graciosa de inúmeras carteiras de habilitação.

Às 15h de hoje, a Procuradora-Geral de Justiça, Janete Ismael, o Diretor Executivo da Polícia Federal, Romero, o Superintendente da Polícia Federal, Cláudio Gomes, o Comandante da Polícia Militar, coronel Kelson Chaves, e o secretário de Segurança e Defesa Social, Eitel Santiago, deverão conceder uma entrevista coletiva, na sede da Polícia Federal.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 257 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal