Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

22/08/2008 - cidadeverde.com Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Empresário é preso por lesar mais de 20 idosos na região de Piracuruca

Por: Fábio Lima


Francisco Antonio de Carvalho Viana, ou "Totonho Isaura", foi preso na noite da última quinta-feira (21) no município de Piracuruca, 196 quilômetros ao norte de Teresina. Ele é acusado de fazer empréstimos fraudulentos em nome de idosos e gerar clima de terros entre os mesmos, inclusive com ameaças de morte. As investigações foram comandadas pelo delegado Francisco das Chagas Costa, o Bareta, que já
recebeu mais de 20 vítimas do fraudador.

De acordo com Bareta, Totonho Isaura tem uma empresa de empréstimos na cidade e abordava os idosos, mesmo sem os aposentados terem interesse na proposta. "Ele dizia: "- Vem cá, trás teu documento!", para saber se tinha direito a algum empréstimo", disse. Quando a vítima menos esperava, o desconto aparecia na conta do aposentado. Ao buscar o dinheiro, o idoso só recebia parte (perdia entre R$ 50 e R$ 100 para o fraudador), mas o maior golpe vinha depois, com outros dois ou três empréstimos na seqüência.

"Tem velinhos aqui sem nenhum tostão, até para comer. Isso deveria ser considerado crime hediondo. Já vi muita coisa na Polícia, mas essa situação dá pena", disse Bareta, que recebeu relatos até de um suicídio cometido por uma vítima desesperada por conta da situação financeira. Os que tentavam reaver o prejuízo, eram ameaçados. "Ele dizia que se fosse procurar a polícia, ele passava o carro por cima da pessoa", completou Bareta.

Em sua defesa, Totonho Isaura, que por mais de três anos atuava na cidade, teria dito que realmente fez os empréstimos, mas tudo dentro da legalidade. Não é o que Bareta pensa. Ele já separou documentos usados nos empréstimos que possívelmente seriam falsos.

Os crimes atingiam ainda municípios de São José do Divino, Caxingó, Caraúbas, e outros mais da região norte, chegando até o litoral, em Parnaíba. A prisão foi decretada pelo juiz Rodrigo Lages Ribeiro.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 280 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal