Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


ÚLTIMOS TREINAMENTOS DE 2018 SOBRE FRAUDES E FALSIFICAÇÕES
Veja AQUI programação e promoções dos últimos treinamentos de 2018 da DEALL R&I
sobre Fraudes e Falsificações nos dias 14, 22 e 29 de novembro.


AFD SUMMIT
A maior Conferência de Investigação Corporativa & Perícia Forense da América Latina.
São Paulo dias 08-09 de dezembro de 2018


Acompanhe nosso Twitter

08/09/2006 - fsonline / MP Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Promotor alerta população quanto a ação de estelionatários


Para alertar a população dos municípios de Euclides da Cunha e Quijingue quanto a existência de estelionatários que estão atuando nos municípios procurando e abordando idosos com o intuito de obterem autorização, por meio de procuração, que possibilite a obtenção de empréstimos em instituições financeiras realizados em nome dos beneficiários da Previdência Social, o promotor de Justiça de Euclides da Cunha, Antônio Luciano Assis, expediu, em agosto, um Informe Geral.

De acordo com o representante do Ministério Público estadual, há nos municípios pessoas se passando por agentes do governo ou funcionários de banco informando aos idosos a necessidade de assinatura de algum documento, e depois o utilizando para formalizar empréstimos nos bancos, não repassando qualquer valor ao titular do benefício, que passa a ter valores descontados mensalmente na sua aposentadoria.

"São inúmeras as declarações de idosos já prestadas à Promotoria", relata Antônio Luciano, lembrando que requisitou a abertura de um Inquérito Policial para investigar os crimes de estelionato e os praticados contra idosos.

No informe, o promotor de Justiça solicita que “qualquer pessoa aposentada ou beneficiária do INSS, antes de assinar qualquer documento ou contrato que tenha a finalidade de recadastramento ou pedido de empréstimos, não façam, em hipótese alguma, sem antes consultar autoridades responsáveis que possam esclarecer com segurança o real propósito da vantagem oferecida”.

O promotor pede ainda a cooperação da população para que sejam resguardados os direitos dos idosos, que “não poderão ser objeto de qualquer tipo de negligência, discriminação, violência e crueldade”, lembrando que “todo atentado aos seus direitos será punido na forma da lei, sendo dever de todos, sem exceção, prevenir qualquer ameaça ou violação ao direito do idoso”.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 405 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Divulgação





NSC / LSI
Copyright © 1999-2018 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal