Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

10/07/2008 - O Debate Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Solução ajuda na prevenção de fraudes eletrônicas


A crescente preocupação com fraudes eletrônicas leva o setor financeiro a investir mais de R$ 1 bilhão por ano em tecnologias de prevenção.

E a Gestão Integrada de Prevenção a Fraudes Eletrônicas e Correlação de Eventos - desenvolvida pelo Centro de Pesquisa e Desenvolvimento em Telecomunicações (CPqD) - se destaca como solução inovadora nessa área. A solução foi apresentada no Ciab (Congresso e Exposição de Tecnologia da Informação das Instituições Financeiras), maior evento do setor financeiro da América Latina, promovido pela Febraban (Federação Brasileira dos Bancos). Em março deste ano, o banco estatal paulista Nossa Caixa contratou a solução do CPqD, com o objetivo de reestruturar os processos que tratam de fraudes eletrônicas. Desenvolvida com tecnologia de ponta, a solução inclui software, processos e tecnologia de redes neurais que permitem à instituição analisar operações e determinar eventuais tentativas de fraude.

A solução serve a vários canais de transação, mas é usada principalmente para operações com cartões de débito e Internet banking. Em fase de implementação, a Gestão Integrada de Prevenção a Fraudes Eletrônicas será inicialmente uma precaução contra fraudes em Internet Banking e cartões de débito, mas poderá ser estendida a outras operações, segundo o gerente da Divisão de Segurança de TI do banco Nossa Caixa, José Waldir Carvalho. "O maior benefício gerado será o fato do cliente poder se sentir ainda mais seguro quando utilizar um canal eletrônico. É segurança agregando valor ao negócio", explica. O gerente do banco Nossa Caixa diz que pretende-se, com o novo sistema de gerenciamento, reduzir o Basis Point - nome que se dá a uma medida de fraudes - a níveis toleráveis. "Podemos até dizer que o projeto nos ajudará a definir índices de riscos aceitáveis", diz José Waldir.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 274 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal