Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

29/08/2006 - Último Segundo Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

PF investiga "golpe da casa própria"


A Polícia Federal (PF) cumpriu 28 mandados de busca e apreensão em São Paulo, na última segunda-feira, para investigar uma quadrilha de estelionatários que agia no ramo de financiamento de imóveis.

De acordo com a PF, os suspeitos aplicavam o “golpe da casa própria” em pessoas de baixa renda. Por meio da empresa Right Place Construções, exigia valores antecipados das vítimas para financiar os imóveis e acabavam não honrando o contrato.

Ainda segundo a polícia a empresa não possui autorização do Banco Central para atuar como instituição financeira. Os suspeitos estão foragidos e terão seus mandados de prisão preventiva expedidos pela Justiça.

A quadrilha é suspeita de agir em vários Estados e atraía os clientes com anúncios na televisão. A Delegacia de Repressão a crimes financeiros participou da ação. Os acusados devem responder por estelionato e crimes contra o sistema financeiro.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 483 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal