Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

09/06/2008 - Jornal de Notícias Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Ladrões informáticos sacavam dados bancários

Por: Susana Otão


Dois homens foram detidos pela PSP, em Bragança, por suspeita de diversas burlas informáticas através do método denominado "Phishing".

Há queixas em Castelo Branco, Lisboa, Sintra, Évora, Leiria, Bragança e Porto.
Os dois homens, estrangeiros, de 25 e 26 anos, foram surpreendidos na última sexta feira, num cibercafé no centro da cidade de Bragança, enquanto acediam à Internet para mais uma investida fraudulenta.
Através de computadores (foram apreendidos dois), os suspeitos conseguiam levar as potenciais vítimas a fornecer dados de identificação e códigos de acesso do sistema Netbanco - utilizado para aceder a contas bancárias via Internet a partir de computadores pessoais. O esquema tem a designação de "Phishing (ver caixa ao lado.
Na posse desses dados, os dois homens, agora em prisão preventiva, realizavam transferências interbancárias em seu benefício. Os arguidos, que operavam em Portugal desde Outubro, ter-se-ão apoderado, segundo uma nota divulgada ontem pela PSP, de uma quantia de cerca de 250 000 euros.
A investigação tinha tido início a 29 de Fevereiro, após a primeira denúncia na PSP. O proprietário de uma empresa queixara-se contra desconhecidos que, através de meios informáticos, acederam à sua conta e transferiram para outras contas 26 000 euros.
Após várias diligências, a PSP conseguiu apurar o destino do dinheiro e identificar os autores da fraude. Os dois homens foram detidos em Abril, no Centro Comercial Colombo, em Lisboa, quando também se se encontravam num ponto de acesso à Internet. Das buscas domiciliárias realizadas na altura resultou a apreensão de diverso equipamento informático, nomeadamente computadores portáteis.
Foram levados a tribunal e libertados, mas com a obrigatoriedade de se apresentarem periodicamente às autoridades, entregarem os passaportes e pagarem uma caução.
No entanto, os dois homens nunca se apresentaram na esquadra, pelo que as autoridades solicitaram ao Ministério Público mandados de detenção para os fugitivos.
Na passada sexta-feira, o Comando Metropolitano da PSP de Lisboa, auxiliado pelos comandos do Porto e de Bragança, levou a cabo uma operação em que deteve, nesta última cidade, os dois suspeitos, de nacionalidade brasileira.
Em Bragança, os dois suspeitos terão continuado a sua actividade criminosa, tendo alegadamente e lesado um empresário local em cinco mil euros. Na casa que tinham alugado nesta cidade foram apreendidos dois computadores e diverso material informático.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 205 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal