Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

06/06/2008 - Jornal A Voz da Cidade Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Alerta contra crimes de estelionato


BARRA MANSA - Cresce o número de casos de estelionato na cidade. A 90ª Delegacia de Polícia ainda não tem dados parciais, mas acredita que seja grande a parcela de pessoas que caíram em golpes, pois muitos têm vergonha de denunciar e prestar queixa à polícia.

A inocência, a ganância e a possibilidade de dinheiro fácil tornam os indivíduos vulneráveis a esse tipo de crime, praticados por estelionatários. O estelionato, que aparece no artigo 171, é um delito no qual o autor obtém para si ou para outro vantagem ilícita, em prejuízo alheio, induzindo ou mantendo alguém em erro, mediante artifício, ardil, ou qualquer outro meio fraudulento.

O delegado titular da 90ª DP, Marcus Henrique de Oliveira, diz que as pessoas não podem ser ingênuas e acreditar que vão lucrar fácil, e cita um exemplo: para ele ninguém troca um prêmio de R$ 100 mil por apenas R$ 5 mil, ou oferece gratificação no meio da via pública. “São pessoas espertas, de boa aparência, comunicativas e maliciosas que nunca agem sozinhas, sempre em dois ou três, por isso necessitamos do apoio da sociedade. Desconfiar sempre quando alguém oferecer algo na rua e ligar imediatamente para a polícia. Não deixe a inocência e a possibilidade de dinheiro rápido cegar os olhos”, orienta o delegado.

A autoridade alerta ainda para os tipos de golpes. “Existe o do bilhete premiado, o seqüestro falso por celular. Nesse caso é importante sempre ligar para o suposto seqüestrado. Há ainda quem ofereça pelo telefone milhares de prêmios em troco de um depósito. A “recompensa” em todos os casos é sempre o prejuízo”, destaca o delgado Marcus Henrique.

FORASTEIROS

O inspetor da polícia Ronald Aredo Reis afirma que as investigações desses crimes são difíceis, pois se trata de golpistas de outros municípios, e que o autor sempre ganha a confiança da vítima, o que complica ainda mais. “O sujeito coloca na cabeça que vai ganhar muito dinheiro e não conta a ninguém o que se passa”, afirma.

Segundo a polícia, esse crime acontece com certa freqüência, geralmente sempre no início do mês, quando a população recebe o pagamento. As vítimas são idosos e indivíduos que são observados na rua pelo transgressor.

No início de junho, a pedagoga Vera Maria dos Reis, moradora do bairro Ano Bom, caiu no golpe do bilhete premiado. Ela foi abordada perto da Praça da Matriz e inicialmente o homem pediu uma informação, depois ofereceu a ela um bilhete de loteria supostamente premiado. Vera disse em depoimento que ele parecia ser uma pessoa ingênua, aparentando ter uns 70 anos. A pedagoga ficou convencida da história quando um rapaz mais novo, bem vestido, provavelmente o comparsa, fingiu ligar para um funcionário da Caixa Econômica Federal. Na ligação o falso bancário confirmou que o bilhete estava premiado. Vera então conseguiu um empréstimo no valor de R$ 10 mil e comprou o prêmio, da Loto, mas ao chegar à agência da Caixa descobriu a fraude e ficou no prejuízo, pois já havia entregado os R$ 10 mil ao estelionatário que sumiu em seguida.

A polícia não tem pista dos golpistas.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 320 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal