Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

05/06/2008 - Diário do Grande ABC Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Falso advogado é preso por estelionato em São Caetano

Por: Bruno Ribeiro


O SIG (Setor de Investigações Gerais) da Polícia Civil de Santo André prendeu ontem em flagrante Gian Franco Zanuso, 51 anos, suspeito de estelionato. A ficha criminal dele tem 365 processos por crimes como falsidade ideológica, uso de documento falso e estelionato. Ele foi preso enquanto passava-se por um advogado em São Caetano que negociava um acordo em nome de um inquilino de imóvel com aluguéis em atraso.

Segundo a polícia, Zanuso é procurado há um ano. O primeiro processo que ele respondeu - e foi condenado -, foi em 1977. Na prisão de ontem, ele tentava receber R$ 30 mil referente a um acordo entre a imobiliária e os inquilinos. O dinheiro seria referente a danos morais que os inquilinos teriam. Os envolvidos afirmaram não saber que ele não era advogado, e mostraram-se surpresos ao ver o tamanho da ficha criminal dele.

Zanuso utilizava o nome e a carteira da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) de um advogado verdadeiro. Entre os documentos apreendidos com o acusado, havia processos civis ingressados na 3ª Vara de São Caetano. A polícia ainda não tem certeza se o verdadeiro advogado é outra vítima de Zanuso ou se tem participação nos esquemas.

O SIG chegou até Zanuso por meio de uma denúncia anônima e passou a monitorá-lo para efetuar o flagrante. O acusado não tinha advogado constituído até o fechamento desta edição e não quis falar com a imprensa.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 285 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal