Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

02/06/2008 - Correio da Bahia Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Presa na Uneb falsa esteticista que aplicava golpes em clientes

Por: Bruno Wendel


Acusada de aplicar diversos golpes ao se passar por esteticista, Laudeny Patrícia Lacerda Souza, 34 anos, foi presa, anteontem à tarde, na Universidade do Estado da Bahia (Uneb), no Cabula. De acordo com agentes da 6ª Delegacia de Polícia (Brotas), ela foi surpreendida quando tinha acabado de ministrar uma aula de drenagem linfática, promovida pela Associação dos Ex-Alunos da Uneb (Unex). Reincidente, furtava cartões de crédito após ter acesso às residências das vítimas.

Uma das pessoas lesadas por Laudeny foi a administradora de empresas L.A., 43. Ela disse que na sexta-feira, através de indicações, contratou os serviços da acusada. Segundo ela, a falsária, que disse estar cuidando da mulher de um político baiano, aplicou alguns procedimentos estéticos em L.A. e deixou o local após pagamento. No sábado, a vítima recebeu um telefonema de uma loja para confirmar uma compra, momento em que descobriu que tinha sido roubada. Pouco depois, a administradora foi até o estabelecimento e, através do circuito interno de TV, reconheceu Laudeny e denunciou o caso na 6ª DP.

Através de investigações, os agentes descobriram que Laudeny se encontrava na Uneb e, ao abordá-la, encontraram um crachá de uma empresa de cosméticos com a foto dela, mas em nome de uma proprietária de uma famosa clínica de estética de Brotas. O chefe de investigação da 6ªDP, João Gomes, disse que a falsária foi demitida da clínica por furtar pertences de clientes e que ela respondia pelo crime em liberdade. Laudeny foi autuada em flagrante por roubo e falsidade ideológica pela delegada plantonista Maria Andrade Ramos.

No site da universidade (www.uneb.br) consta que Laudeny é responsável por ministrar o curso de estética, cujo objetivo é preparar pessoas para atuar em hospitais, clubes, salões de beleza, clínicas de estética e academias de ginástica. Ainda na página, a acusada é citada como sendo nutricionista, esteticista, terapeuta holística, massoterapeuta e membro da Academia Baiana de Saúde (Abasi). A reportagem do Correio da Bahia tentou entrar em contato com a Uneb e a Unex, mas não obteve resultado.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 648 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal