Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

28/05/2008 - O Globo Online Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Presa quadrilha que aplicava golpe contra INSS


SÃO PAULO - Policiais do Departamento de Investigações sobre Crime Organizado (Deic) desbarataram um esquema fraudulento de saques de precatórios de aposentados do Instituto Nacional de Seguro Social (INSS). Cinco pessoas foram presas na tarde de terça-feira, entre elas está uma vendedora autônoma que é deficiente física. A polícia ainda investiga a participação de funcionários do INSS no esquema, passando informações sobre os aposentados com direito a saque de precatórios. De acordo com a polícia, a quadrilha tinha dados pessoais dos aposentados e os valores a serem recebidos.

Apenas nesta terça-feira, a quadrilha havia recebido R$ 16 mil. A vendedora autônoma Lenir de Araújo Ribeiro, de 56 anos, que apresenta deficiência nas pernas e usa uma bengala, conseguiu sacar o dinheiro e transferi-lo usando o nome de Wilma Pena Martins. Ao todo, ela sacou R$ 2 mil e transferiu outros R$ 14 mil para uma outra conta.

Quando a quadrilha tentou fazer um novo saque, no Fórum Trabalhista, na Barra Funda, zona oeste da capital, na tarde de terça, ela foi surpreendida. Foram detidos o balconista Luiz de Assis de Souza, de 55 anos, o autônomo David Wilker da Silva, de 22, o cobrador Márcio Rogério Doval e a supervisora Maria José Pinheiro dos Santos, de 43. Dois carros usados pelos acusados foram apreendidos.

O grupo admitiu o golpe e levou a polícia à casa de Lenir, onde foram encontradas identidades falsas, os papéis da transação bancária e os R$ 2 mil sacados.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 298 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal