Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

16/04/2008 - Brazilian Voice Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Polícia Federal prende aempresário brasileiro em Connecticut


A Polícia Federal de Danbury prendeu na última segunda-feira, dia 7 de abril, o empresário Márcio Mansur, de 51 anos, proprietário da loja de variedades BemBrasil, que fica localizada na White Street, em Danbury, Connecticut (CT). Ele foi detido por fazer tranferências ilegais de dinheiro, de acordo com Tom Carson, porta-voz do U.S. Attorney’s Office. A notícia foi divulgada pelo site NewsTimes.com.
Carson declarou ainda que a prisão do empresário decorre da mesma investigação que deteu duas empresárias do RM Insurance Services (Serviços de Seguros) no mês passado. Renata Amaral, de 36 anos e Mônica Texeira, de 46, ambas brasileiras, foram acusadas e presas no dia 17 de março por lavagem de dinheiro e por fazer transferências ilegais de capital. Elas fazem parte de um esquema em que supostamente transferiu quase US$10 milhões entre os Estados Unidos e Brasil, de acordo com documentos divulgados na época.
Detetives do Internal Revenue Service encontraram cerca de 12 caixas de documentos no escritório da companhia de seguros no mesmo dia em que as empresárias foram presas, na Main Street. As duas mulheres deveriam comparecer no U.S. District Court (Corte), na segunda-feira, para depor sobre o caso. No entanto, elas preferiram não se apresentar para serem ouvidas e outro data está para ser definida, segundo autoridades judiciais.
Mansur foi apresentado no Tribunal Federal em Bridgeport logo após a sua detenção. Oficiais revelaram que a audiência não foi realizada, porque o empresário está sob custódia Immigration and Customs Enforcement agency (Departamento de Imigração). Não se sabe ao certo porque Mansur foi detido pelas autoridades migratórias e se essa teria sido a primeira vez.
Detalhes sobre as investigações do caso “Mansur” não estão disponíveis, pois o mandado de prisão não foi divulgado ao público. Jessica Crocker, funcionária pública do IRS, se recusou a fazer comentários sobre o caso.
O BemBrasilé uma loja de variedades que vende todos os tipos de produtos de beleza, roupas e cartões telefônicos, permaneceu aberta na última segunda-feira (7). Os funcionários da loja também se negaram a falar sobre o assunto.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 273 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal