Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

03/04/2008 - Gazeta Mercantil / Investnews Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

J. Malucelli investe na emissão de apólice digital

Por: Denise Bueno


São Paulo, 3 de Abril de 2008 - Ontem, a J.Malucelli Seguradora, especializada em seguro de garantias financeiras, emitiu a 100 apólice digital, dia de inauguração do sistema de certificação. "Foram oito meses de trabalho para desenvolver o programa para a emissão de apólices digitais. Mas o retorno dos nossos clientes e corretores foi fantástico", diz João Gilberto Possiede, presidente da J.Malucelli.

A emissão digital será feita a partir de agora nas prorrogações, renovações ou novos contratos. A J.Malucelli emite uma média de 3,5 mil apólices por mês. "A cada 15 minutos sai uma apólice da seguradora", orgulha-se Possiede. Segundo o executivo, o principal encantamento dos clientes é pela rapidez em ter a apólice emitida e pela economia que a iniciativa gera. Tudo isso conta pontos para se conseguir reduzir o custo do seguro.

Uma grande vantagem é a eliminação da fraude, apurada no passado e que trouxe muitas complicações para a imagem do produto. "O risco de fraude está totalmente eliminado". Um dos incentivadores da implementação da apólice digital foi o ex-titular da Superintendência de Seguros Privados (Susep), Renê Garcia. Durante sua gestão, iniciada no governo Lula e encerrada em julho do ano passado, ele teve de gerir vários problemas com fraude em seguro garantia.

Para tentar inibir as fraudes, Garcia baixou uma série de normas. Isso estimulou as seguradoras a buscarem formas mais simples e seguras. Segundo a J.Malucelli, a certificação digital foi uma das soluções encontradas para evitar que as informações de seus clientes sejam acessadas por terceiros. Além disso, o grupo investiu alguns milhões de reais em ferramentas ativas de proteção e solução para segurança dos internautas. Possiede cita a vantagem ecológica, pois não é necessário ter formulários em papel especial para as apólices e nem o gasto com cópias de documentos para reconhecimento de firmas em cartório.

A seguradora encerrou 2007 na liderança do ranking de vendas do segmento. O mercado de seguro garantia encerrou o ano com uma produção de R$ 346,2 milhões, superando os R$ 194,6 milhões obtidos por todas as seguradoras juntas em 2006. A J.Malucelli movimentou prêmios de R$ 174,5 milhões, 50% do market share.

O carro-chefe da seguradora são seguros que garantem contratos entre o setor privado e o governo. O grande crescimento tem vindo dos contratos de construção de usinas hidrelétricas. Outro produto de destaque dentro da empresa é o seguro de garantia judicial, onde a apólice libera os recursos dados como caução.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 246 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal