Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

27/03/2008 - Olhar Direto Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Brasil, “fraude” explica!

Por: André Michells


Está no Aurélio. Fraude: "abuso de confiança; falsificação; enganar ou roubar outrem". Quantas vezes nos deparamos com palavras assim no nosso dia-dia? Na imprensa é rotina. No Rio de Janeiro, Ongs foram flagradas em fraudes e tinha político no meio. Aliás, há político que faz de tudo por essas "pobres" instituições.

Em MT a Ong ligada a um assessor petista não explicou o que fez com R$ 9 milhões recebidos do Governo. Seria para cuidar de índios, mas... Em Brasília, farra com cartões. A então secretária Especial de Promoção da Igualdade Racial, Matilde Ribeiro, promoveu “bem” a igualdade (dela) e gastou R$ 171 mil em 2007.

Lembra-se do caso das calcinhas, na Assembléia Legislativa de MT? Pagaram uma nota de fornecimento de lingerie. E sabe o que aconteceu com os responsáveis da época? Nadinha. Os sanguessugas estão num novo tipo de cadeia, a CPF (cadeia de produção de fraudes), que cadeia pensou que fosse? Na Internet, em segundos, dados bancários e senhas são roubados virtualmente e sua grana vai pro espaço. Na Escócia clonam ovelhas; aqui clonam cartões de crédito, e daí?

Detrans de todo o país são alvos de fraudes, que prejudicam o erário e o sistema financeiro. Em MT vários gatunos foram denunciados, presos e respondem a processos, porém, a Justiça demora a condenar. Falando em Justiça, o juiz La Lau roubou R$ 170 milhões e está em casa comendo pizza, rindo da nossa cara. É de fazer inveja a outro Lau, o Kin Chong.

A coisa é tão endêmica que “benefícios” como Bolsa Família, Bolsa Escola, Vale Gás, e outros tantos vales são alvos de fraudadores. Tem gente que já morreu, mas continua recebendo seus valezinhos. Aí não vale!

E as fraudes cometidas pelo governo? A CPMF foi uma. Disseram que era para a Saúde, mas... E tem gente cara-de-pau que diz: “não haverá recursos para o setor”. Quando foi que houve? Já pensou se usassem os R$ 40 bilhões da CPMF para o SUS? Seria o fim dos planos de saúde.

E a carga tributária? Passa de 40% do PIB. Impostos de Suíça e serviços de Angola. Uma fraude e tanto! E não pára por ai. Em vez de viadutos para desafogar o trânsito, VALERIODUTO para desafogar bolsos de caudilhos. E o careca está soltinho da silva.

E os fraudadores da Sudam? O maior deles morreu sabe-se lá como e não se fala mais nisso. E o dinheiro, cadê? Dá até nome de filme: "Cale a boca, o dinheiro sumiu"!

É preciso dar um basta nisso. Acabar com políticos populistas que criam aberrações como Fome Zero e os Vales da vida. Estes “benefícios” apenas dão uma idéia falsa de que, quem os cria, trabalha pelo país. Na verdade, gente assim, atrai mais fraudes e institucionaliza a miséria e a ignorância do povo brasileiro.


André Michells é assessor de imprensa do Detran/MT e apresentador de TV

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 358 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal