Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

07/12/2005 - Notícia da Manhã Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Estelionatários fazem terrorismo com empresários

Por: Evandro Belo


Uma quadrilha de estelionatários tem gerado momentos de tensão e terror a empresários de Catanduva. Com dados completos de seus familiares, os bandidos telefonam aos executivos solicitando depósitos de altas quantias alegando ter seqüestrado um de seus familiares. Entre as exigências, que o depósito seja feito rapidamente e em dinheiro.
“Ligaram primeiro para minha esposa solicitando R$ 40 mil para me libertarem. Exigiram que o pagamento fosse feito através de depósito imediatamente e em dinheiro. Felizmente, ela conseguiu me localizar pelo telefone e percebeu que era uma fraude”, contou um empresário local.
Porém, o caso não terminou por aí. “Algum tempo depois, essa pessoa me ligou e solicitou os mesmos R$ 40 mil para que libertassem o meu filho. Identifiquei o número na bina e pude perceber que trata-se de um celular com origem do Rio de Janeiro. Meu filho, felizmente, estava em casa”.
A ameaça ainda atingiu uma terceira pessoa da mesma família. “Eles (estelionatários) ligaram então para minha casa e disseram ao meu filho que haviam seqüestrado a sua mãe e fizeram as mesmas exigências”, apontou.
Segundo o empresário, os estelionatários tinham dados completos de seus familiares. “Eles sabiam os nomes e o que faziam. Felizmente, conseguimos nos localizar rapidamente. Mas, e se por acaso alguém de nós estivesses viajando e não conseguíssemos ser localizados pelo telefone naquele momento? Certamente, algumas pessoas acabariam fazendo o depósito e caindo nesta fraude”, alertou.
O empresário disse ter conhecimento de que um médico da cidade também foi vítima do mesmo tipo de ameaça. “Porém, ainda não consegui falar com ele”, disse o empresário, que solicitou que seu nome fosse preservado.

Registro

Segundo a Polícia Civil, os empresários e demais vítimas devem ter precaução ao serem ameaçados. Segundo Pedro de Senzi Carvalho, responsável pela Delegacia de Investigações Gerais (DIG), é importante não fornecer dados pessoais, não efetuar depósitos e registrar boletim de ocorrência. “Desta forma, a polícia poderá apurar quem é o responsável pelas tentativas de fraudes”.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 599 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal