Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

13/03/2008 - Gazeta Online Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Empresários são alvos de golpe da lista telefônica

Por: Guido Nunes


Os empresários da Grande Vitória precisam ficar atentos a uma nova tentativa de golpe que vem sendo executada nos últimos meses, o da lista telefônica. Os golpistas se passam por funcionários da empresa Editel Publicar e informam que há uma fatura em aberto para ser quitada referente à inserção de anúncios na lista. Quando os anunciantes realizam o pagamento, o dinheiro vai parar na conta de outra empresa.

O empresário do setor de mármore, Heitor Carletti Júnior, por pouco não caiu no golpe. Os falsos cobradores chegaram a enviar, por fax, um boleto com o mesmo valor do contrato firmado pelo empresário com a Editel. “Uma empresa de São Paulo se passou pela Editel Listas Telefônicas, que temos contrato de anúncio. Ela mandou cópias de duplicatas de vencimento com os mesmos valores que eu fiz com a Editel, só mudou o nome da empresa. Eu não sei como ele conseguiu esses dados”, questionou.

Por já ter pago a fatura original, o empresário do setor de mármores estranhou a cobrança, mas confessou que o método adotado pelos golpistas podem funcionar com os mais desatentos. “Eu passei o telefone da Editel e disse que já tinha pago e a mulher não me ligou mais. Eles fazem com tanta perfeição que aqueles que não tiverem muita atenção podem cair nesse golpe”.

No caso do empresário Carlos dos Santos Filho, os golpistas ligaram justamente no dia em que uma funcionária do departamento financeiro da empresa, Solange Rosa, já havia efetuado o pagamento. Ela conta que não se importou com as falsas cobranças. “A gente está com o pagamento sempre em dia. Quando o meu patrão fez uma cobrança mediante uma ligação que cobrava ele sobre uma fatura em aberto, no momento eu não dei importância, por saber que todas as contas estavam em dia. E essa conta, inclusive, eu tinha pago pela manhã”.

O desespero dos golpistas era tanto que o empresário recebeu três ligações em apenas duas horas. “Ela ligou três vezes no intervalo de duas horas cobrando uma fatura que ela falava que estava vencida há três dias. Ela se identificou como sendo do setor de cobranças da Publicar do Brasil e sabia o meu nome e o nome da funcionária do departamento financeiro”, disse.

O gerente regional da Editel Publicar no Espírito Santo, Demetrius de Oliveira, orienta aos clientes para que não informem nenhum dado por telefone. “Nós orientamos que eles não passem nenhuma informação por telefone - CNPJ, dados pessoais, valor do contrato. Acreditamos que o fraldador liga e estimula a pessoa a falar o CNPJ e o valor do contrato. Quando ela passa essas informações, ele manda o boleto”, supôs.

O gerente ainda esclareceu que todos os boletos da empresa são padronizados com as logomarcas da Editel e da Listel - além de virem em nome da Publicar do Brasil -, e que a empresa não trabalha com agentes terceirizados para realizar cobrança.

A Editel estima que a tentativa do golpe é realizada com 80% dos 2 mil clientes da empresa, dos quais 20% sucumbem.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 644 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal