Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


ÚLTIMOS TREINAMENTOS DE 2017 SOBRE FRAUDES e DOCUMENTOSCOPIA

Veja aqui a programação dos últimos treinamentos sobre Falsificações e Fraudes Documentais (16/11) e sobre Prevenção e Combate a Fraudes em Empresas (30/11).

Acompanhe nosso Twitter

12/03/2008 - Alagoas 24 horas Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Polícia desbarata quadrilha de estelionatários em São Miguel dos Campos

Por: Vanessa Alencar e Danielle Silva


Policiais civis das delegacias regional e municipal de São Miguel dos Campos, comandados pelos delegados Antônio Monteiro e Tarcísio Vitorino, titulares das delegacias regional e municipal, respectivamente, desbaratam uma quadrilha de estelionatários na tarde desta quarta-feira, durante o cumprimento de mandados de busca e apreensão determinados pela Justiça.

O chefe de Operações da Delegacia Regional de São Miguel dos Campos, André Ribeiro, explicou que os crimes cometidos pelos estelionatários lesaram centenas de pessoas, principalmente idosos. Informações da assessoria de comunicação do MPE dão conta que os idosos eram ludibriados por uma falsa advogada identificada apenas como Rosália.

Os estelionatários vinham sendo investigados pela promotora Rita de Cássia Aguire, da Vara da Criança, do Adolescente e do Idoso, a partir de uma série de denúncias anônimas e outras denúncias feitas por aposentados - cujas identidades serão resguardadas - que estavam sendo lesados.

Três pessoas já foram presas durante a operação – que conta com o apoio da Polícia Federal - e outros mandados de prisão ainda serão cumpridos no dia de hoje. Os agentes também interditaram uma residência da cidade, provavelmente utilizada como escritório da quadrilha. No local, vários documentos foram apreendidos, entre eles cartões de crédito em nomes de terceiros e mais de 300 cadastros eleitorais, o que caracteriza crime eleitoral.

“A quadrilha contraia empréstimos no INSS em nome dos idosos e também conseguiam ficar com as aposentadorias deles”, conta André Ribeiro, acrescentando que a polícia não descarta a possibilidade do envolvimento de funcionários do INSS no esquema, assim como a participação de uma grande loja da região.

Por telefone, o delegado Tarcísio Vitorino, falou ao Alagoas24Horas que a Polícia continua à cassa dos integrantes da quadrilha e que até amanhã terão concluído o trabalho. O delegado disse ainda que a quadrilha não age apenas em Alagoas, há indícios de que possua ramificações nos Estados de Sergipe Pernambuco.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 281 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal